Sermões

Assunto 19: A Epístola do Apóstolo Paulo aos EFÉSIOS

[Capítulo 5-1] (Efésios 5:1-2) Sigam a Deus como Seus Amados Filhos

(Efésios 5:1-2)
“Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados, e andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave.”
 
 
A Igreja de Deus é o Corpo de Cristo
 
O apóstolo Paulo diz na passagem bíblica acima: “Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados, e andai em amor, como também Cristo vos amou, e se entregou a si mesmo por nós, em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave” (Efésios 5:1-2). Paulo está nos ensinando aqui que assim como Jesus Cristo se sacrificou por nós, todos os Seus santos, pastores e colaboradores devem andar no amor de Deus. E essa é uma lição muito importante para nós.
Antes, em Efésios 4:16, o apóstolo Paulo disse: “Do qual todo o corpo bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, faz o seu próprio aumento para a edificação de si mesmo em amor”. Jesus Cristo é o cabeça da Igreja de Deus e a Igreja, Seu corpo. Para ilustrar isso melhor, vamos analisar nosso próprio corpo. Nosso corpo possui várias juntas, ossos e músculos que nos dão mobilidade e força, e ele também é ligado por um sistema nervoso que vai da cabeça à ponta dos pés. Por isso, quando o seu cérebro emite uma ordem, ela é transmitida pela espinha dorsal a todas as partes do corpo, dizendo como ele deve se mover e o que deve fazer. Do mesmo modo, quando o Senhor dá uma ordem como o cabeça da Igreja de Deus, todo membro dela deve fazer o que Ele mandou. Foi por isso que o Senhor disse em relação à Igreja que os santos são como um “corpo bem ajustado, e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte” (Efésios 4:16). Deste modo, todos os membros da Igreja de Deus são indispensáveis uns aos outros.
Se você perder apenas um músculo do seu dedo, ele todo não servirá para mais nada. São os músculos que ligam seus dedos à sua mão; e sua mão tem que ser ligada ao seu braço, assim como seus braços são ligados aos seus ombros. Por isso, não há uma parte sequer do nosso corpo que seja indispensável, pois todas elas trabalham ligadas umas às outras. E todas as partes do corpo estão ligadas para desempenhar sua função.
 
 
Todos os Santos Também São Indispensáveis Uns aos Outros
 
Na Igreja de Deus, todos os membros têm que cumprir sua função nos cargos aos quais foram designados. Foi por isso que Deus nos disse que devemos ter a verdadeira fé em Cristo e andar em amor. Se cuidarmos uns dos outros de coração, e se realmente cremos que Jesus é o nosso Salvador que nos livrou de todos os nossos pecados e transgressões, nos tornaremos um só pela nossa fé em comum no evangelho da água e do Espírito então. Já que a Bíblia diz que há “um só Senhor, uma só fé, um só batismo; um só Deus e Pai de todos” (Efésios 4:5-6), todos nós cremos em um só Deus.
Nós nos tornamos um só corpo em Deus por crermos que Jesus Cristo nos salvou de todos os nossos pecados através do Seu ministério da água, do sangue e do Espírito. E já que nós somos povo de Deus e uma família, então podemos andar em amor para edificarmos uns aos outros ao invés de nos ferirmos. Nós também podemos unir nossas forças para obedecermos à vontade de Jesus Cristo, nosso cabeça. Se resolvermos cuidar uns dos outros e servirmos ao verdadeiro evangelho, nós então não teremos problema algum. Por outro lado, se dermos lugar ao egoísmo e só nos preocuparmos com nós mesmos, teremos um grande problema espiritual.
O que devemos fazer para evitar isso então? Tudo que nós temos a fazer é ajudar uns aos outros e cumprir fielmente o que Deus nos confiou segundo a nossa fé. Na verdade, o certo é dedicarmos nossa vida a Cristo de todas as maneiras, vivermos para pregar o evangelho da água e do Espírito e fazermos o que agrada a Deus. Quando todos nós nos unirmos para fazermos a obra de Deus, nós encorajaremos uns aos outros e cumpriremos fielmente tudo aquilo que Ele confiou a nós.
 
 
O Senhor Nos Mandou Andar em Amor
 
O amor entre o ser humano é bom, mas o amor que Deus teve por nós foi muito maior. E no que diz respeito às relações humanas, é melhor nos amarmos do que invejarmos e odiarmos uns aos outros. Como nenhum de nós pode pregar o evangelho de Deus sozinho, o certo é unirmos nossas forças para fazemos isso. De fato, algo muito lindo aos olhos de Deus é quando nós unirmos nossas forças para servi-Lo, como está escrito:
“Quão bom e quão suave é
Que os irmãos vivam em união!” (Salmo 133:1)
Todavia, há muitas pessoas entre nós que estão servindo ao evangelho da água e do Espírito de qualquer maneira. Mas a Bíblia diz: “Cada um contribua segundo propôs no seu coração, não com tristeza ou por necessidade, pois Deus ama ao que dá com alegria” (2 Coríntios 9:7). A verdade é que nós estamos fazendo a obra de Deus porque foi isso que Ele nos mandou fazer, mas nós temos que servir a Ele não somente com um senso de responsabilidade, mas por gratidão também, confiando na Sua justiça de todo coração. Isso porque quando o Senhor veio a essa terra para nos salvar de todos os nossos pecados, Ele foi batizado por João Batista e entregou Sua vida na cruz por nós. Já que o Senhor nos salvou de todos os nossos pecados, nós temos que servi-Lo pela fé para que outros sejam salvos dos seus pecados também; e é isso que significa fazer a obra de Deus realmente.
O Senhor nos mandou servir ao evangelho em amor. E se você quer caminhar em amor, você tem que dedicar sua vida a Deus então. E você tem que guiar os outros com muito cuidado para que eles também vivam para Deus. Se o ministério de um pastor está voltado somente para a prosperidade material da sua igreja, seu ministério não tem valor algum então. Todo pastor tem que guiar os santos para o caminho espiritual correto e ter comunhão com eles para que eles possam viver para Deus da forma correta.
O corpo todo tem que fazer o que manda a cabeça. Se nós unirmos as nossas forças em Deus para servi-Lo, dedicarmos a nossa vida segundo o dom de cada um, Deus com certeza nos abençoará e protegerá a todos. É por isso que todos nós temos que viver segundo os mandamentos de Deus e em obediência à Sua vontade. A Palavra de Deus nos manda andar em amor, mas só aqueles que têm fé na justiça de Deus é que podem viver segundo a Sua Palavra. Isso também só é possível quando estamos em Deus. Jesus é a videira e nós, os ramos. E assim como só os ramos que permanecem na videira podem dar seus frutos, só aqueles que confiam em Deus e O seguem é que podem andar em amor e dedicar sua vida a Ele. Sendo assim, se seus pais na fé estão te guiando e tendo comunhão com você neste amor, você deve ver isso com uma grande bênção.
Contudo, há muitas pessoas que seguem as coisas carnais embora sejam consideradas cristãs. Deus diz em Gálatas 5:19: “As obras da carne são conhecidas”, e depois Ele continua dando a lista de vários os pecados. Quando um cristão segue os desejos da carne, ele acaba dando lugar à heresia. Por outro lado, se nós andarmos no amor de Deus, jamais buscaremos as coisas carnais, mas sempre faremos a vontade de Deus, não importa o que aconteça com nossa carne. Fazer a vontade de Deus, ter comunhão uns com os outros crendo sempre na Sua providência, orientando uns aos outros para que obedeçamos à Sua vontade, unir forças para seguir ao Senhor e orar pela Sua obra – é justamente isso que significa andar no amor de Deus.
 
 
É Muito Importante Vivermos Segundo a Vontade de Deus
 
Efésios 5:1 diz: “Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados”. Assim como Jesus Cristo se sacrificou por nós para apagar todos os nossos pecados e nos dar uma nova vida, os verdadeiros imitadores de Deus têm comunhão em amor, guiam uns aos outros e se fortalecem mutuamente para que eles possam servir ao evangelho juntos em sua vida. Então, sempre que você tiver comunhão com os santos, não é bom que você se aconselhe com eles sobre assuntos carnais. A boa comunhão é aquela que te guia espiritualmente para que você possa viver para Deus. Aqueles que vivem assim são os que andam no amor de Deus. Como é que seus pais na fé estão guiando você? Seus líderes têm comunhão com você e te guiam para que você siga a Deus fielmente, ou apenas guiam você para buscar as coisas materiais? Se seus líderes são como os primeiros que eu citei acima, você pode se considerar muito abençoado.
É da nossa natureza querer seguir as coisas da carne. E se deixássemos, todos nós seguiríamos nada mais do que nossa carne. É por isso que Satanás está sempre nos tentando para que busquemos as coisas carnais. Mas o que acontecerá se nós cairmos nessa tentação? O resultado seria tão previsível como o nascer do sol: todos nós acabaríamos perecendo. Todo aquele que se afastar de Deus e seguir sua carne com certeza perecerá no fim. Todo aquele que deixar a Deus e seguir sua carne será amaldiçoado, e todos que forem amaldiçoados por seguirem sua carne perderão todas as bênçãos de Deus. Todos eles serão expulsos da Igreja de Deus. E se sua relação com a Igreja de Deus acabar, sua relação com Deus também terá acabado.
Jesus nos disse: “Eu sou a videira, vós sois os ramos” (João 15:5). Ele também disse que é o cabeça da Igreja e nós, Seu corpo. Por esse motivo, se nós deixarmos a Igreja de Deus, pereceremos na mesma hora, pois não seremos mais guiados por ela. Um dos nossos colaboradores nos falou sobre um filme chamado “Os Últimos Passos de um Homem”. Este filme fala da luta de uma freira para ajudar um condenado no corredor da morte a enfrentar a execução iminente. Nosso colaborador usa este filme como uma ilustração para iluminar as almas perdidas face a sua iminente morte espiritual, mostrando que todos que ainda não nasceram de novo crendo no verdadeiro evangelho da água e do Espírito estão dando “os últimos passos de um homem”.
Na verdade, todo aquele que vive do jeito que quer já está morte aos olhos de Deus. Quando o braço é arrancado do corpo, ela ainda pode se mexer por algum tempo. Mas este braço está vivo ainda, só porque está se mexendo? Não, ele já está morto. Do mesmo modo, embora alguém que não esteja mais na Igreja de Deus e se separou de Jesus Cristo a princípio possa viver pela fé, essa pessoa acabará perecendo, porque ela foi tirada da Igreja de Deus e não está sendo mais guiada por ela.
É importante considerarmos muito bem se estamos sendo bem orientados e servindo a Deus. E você também tem que se perguntar se os líderes da sua igreja e seus pais na fé estão te ensinando a servir a Deus e não a eles. Os líderes da sua igreja podem até te exortar para que você siga ao Senhor, mas se o que eles quiserem realmente é que você os siga, você tem que rejeitá-los então. Havia um pastor numa de nossas igrejas que agia assim. E ele sempre ficava irado quando os santos queriam dar alguma oferta para nossa Missão. Ele queria que todas as ofertas fossem para sua igreja e preferia que os seus membros lhe dessem algum presente, e até mesmo dinheiro, para que ele usasse como quisesse. Alguém assim é um assalariado, não um pastor da Igreja de Deus. Até os pastores da Igreja de Deus não podem usar os recursos financeiros da Igreja como bem lhes convém; ao contrário, eles têm sempre que perguntar a Deus qual é a melhor maneira de usar o dinheiro.
Alguns irmãos às vezes me dão dinheiro de presente no meu aniversário. E eu gosto muito, pois, afinal de contas, quem não ficaria feliz de receber dinheiro? No entanto, o que é mais importante é como este dinheiro é gasto. Obviamente, seria um grande erro se eu te dissesse: “Hoje é meu aniversário, por isso, me dê dinheiro de presente!” Sempre que preciso de dinheiro, eu vou ao tesoureiro e lhe explico minha necessidade. E já que eu só gasto dinheiro para servir ao evangelho da água e do Espírito, minha consciência está sempre tranqüila. Mas se eu pegasse as ofertas e gastasse comigo mesmo, isso seria um grande problema então.
 
 
O Senhor Nos Mandou Andar em Amor
 
Se há alguém te guiando e tendo comunhão contigo para que você sirva ao Senhor, alguém que o repreende quando você faz algo errado e está sempre ao seu lado a fim de que você não saia da Igreja, essa pessoa é alguém que te ama de verdade. E o que ela quer não é te ferir, pois é alguém que te ama realmente.
O Senhor disse claramente a todos nós: “Andai em amor” (Efésios 5:2). E se você andar em amor obedecendo a este mandamento, seu coração com certeza terá paz com Deus, você terá comunhão com Ele e também será abençoado por Ele. E já que fomos vestidos do amor de Deus, nós temos que ser seus imitadores e amar uns aos outros também, assim como Paulo nos diz: “Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados” (Efésios 5:1). E quando nossos irmãos nos exortam para que continuemos no caminho certo, temos que ouvi-los e seguir os seus conselhos.
A mesma exigência se aplica a mim também. Sempre que nossos pastores querem me dar algum conselho, eu os ouço atentamente e concordo com eles se eles forem convincentes. Se eu por acaso digo algo errado, nossos pastores sempre me dizem. E quando eles compartilham suas opiniões comigo, eu sempre os ouço atentamente. Eu reconheço que posso errar, e é por isso que eu digo a eles para dizerem sempre o que pensam; eu então os ouço atentamente, e se sua sugestão for boa, então eu a aceito sem nenhuma hesitação. Esta é a sabedoria de Deus. E já que isso não acontece por alguma razão egoísta, e sim para o bem da obra de Deus, eu não me sinto como se meu orgulho tivesse sido ferido, mas aceito o bom conselho para que seja feito o melhor e da maneira correta.
O mesmo princípio se aplica a você também. Sempre que alguém tiver comunhão contigo para que você possa viver para Deus, você tem que aceitar seus conselhos pela fé. E mesmo que você não consiga aceitar aquele conselho na hora, quando você conseguir aceitá-lo no coração e sua fé crescer, você terá suas forças renovadas para que possa aceitá-lo. E ao aceitar o conselho dos santos de Deus pela fé, você é muito abençoado por Deus. Portanto, eu te peço que aceite o conselho dos santos de Deus como se fossem Dele mesmo, pois se ele for mesmo de Deus, o Senhor te dará forças para que você o aceite. É por esse motivo que o apóstolo Paulo nos exorta para que sejamos imitadores de Deus como filhos amados.
Nós não compartilhamos o amor de Deus com os outros agora porque o recebemos antes? De fato, nós amamos a todos porque fomos vestidos do amor de Deus antes deles. Entretanto, nós amaríamos os outros se não tivéssemos sido vestidos do amor de Deus? Não, claro que não! É o amor de Cristo que nós compartilhamos uns com os outros; foi Cristo quem nos salvou e é através Dele que nós temos comunhão uns com os outros; e tudo que fazemos é por amor a Cristo. Mas nós não andamos no amor de Deus somente para o nosso bem, mas pelo bem dos outros e de Cristo também. Por essa razão, é muito importante ouvirmos atentamente o que o apóstolo Paulo nos exorta na passagem bíblica deste capítulo.
O Senhor disse que o corpo de Cristo edifica a si mesmo no amor de Deus (Efésios 4:16). Para nós, continuar em Deus pela fé, confiar uns nos outros e viver no amor que Ele nos deu, é o mesmo que edificar o corpo de Cristo em amor e servir ao Senhor. Você e eu estamos fazendo uma obra em particular que foi confiada a cada um de nós, e isso também significa imitar a Cristo, pois assim somos vestidos com o amor de Deus.
Todo cristão tem que obedecer aos mandamentos que vêm do alto – ou seja, toda Palavra dita por Deus. O fato de Deus ter se revelado a nós significa que Ele abriu Sua Palavra e através dela nos fez conhecer Sua vontade. É através da Sua Palavra que Deus revela e manifesta Sua vontade; e a fé cristã significa ouvir essa Palavra, conhecer a vontade de Deus, o que agrada a Ele em Sua Palavra, e, de acordo com ela, andar em obediência. Todas as religiões do mundo, por outro lado, estão adorando os deuses criados por elas mesmas.
Mas e você? Você é um filho amado de Deus? Você é um imitador de Deus? Você está andando no amor de Deus? Todos nós temos que andar no amor de Deus. Embora não tenhamos muito a oferecer em termos materiais, nós estamos andando no verdadeiro amor, ou seja, nós estamos ajudando uns aos outros espiritualmente. Tem muita gente neste mundo que diz que está ajudando os outros, mas o que eles estão fazendo, na verdade, é ferindo-os. Nós, por outro lado, amamos uns aos outros de todo coração. E nós fazemos isso não somente para o nosso próprio bem, mas sim para o bem de Cristo Jesus. Para nós, andar no amor de Deus é o mesmo que ajudar os outros a seguir a Cristo e receber as bênçãos de Deus.
Quem foi que falou de amor primeiro? Foi Deus. Se existe alguém neste mundo que pode falar de amor e praticá-lo, que ele se apresente! Como é que o homem poderia discutir sobre o verdadeiro amor? O verdadeiro amor é o amor de Deus. O amor de Deus é o verdadeiro amor que Ele nos concedeu ao se sacrificar por nós.
Você está mesmo andando no amor de Deus? Como é que estamos tendo comunhão uns com os outros? As pessoas que têm comunhão contigo estão fazendo isso para te ajudar a viver para Cristo? Se existe alguém tendo comunhão assim contigo, você tem idéia do quanto deve ser grato a ele? Independente se seus irmãos e servos de Deus estão tendo comunhão contigo, você deve ser grato a todos que estão ao seu lado para te ajudar a viver para Deus.
 
 
O que Nos Sustenta é a Rica Comunhão que Temos na Igreja de Deus
 
Embora nossa igreja seja pequena, eu estou certo de que todas as nossas igrejas afiliadas na Coréia e fora dela estão nos ajudando a edificar uns aos outros. Nós não seremos nada se estivermos espalhados e sozinhos. Você acha que pode fazer alguma coisa fora da Igreja só porque você foi salvo? Não, fora da Igreja, Satanás irá te devorar na mesma hora.
Trazer destruição espiritual à vida dos santos não é algo tão difícil assim para o diabo. De fato, destruir uma alma é algo muito simples para Satanás. Tudo que ele tem a fazer é apenas colocar veneno no sermão que é pregado, e quando você tomar esse veneno, você perecerá na mesma hora. Mas a comida não é a única coisa que pode ser envenenada. E o veneno também não é encontrado apenas em algumas ideologias. Até mesmo um sermão pode ser envenenado pela aplicação errada da Palavra de Deus. E se isso acontecer, todos os justos perecerão com certeza.
Olhe para si mesmo e veja se você é um membro que tem comunhão com a Igreja que ensina o amor de Deus, que te guia pelo caminho correto e tem comunhão contigo para que você siga o Senhor fielmente. Você tem que ser muito grato porque os santos estão junto a você. O próprio fato de você ser um membro da Igreja de Deus já é motivo suficiente para que você seja grato.
O irmão Lim não está mais entre nós porque foi chamado para prestar o serviço militar. Como é que você se sente agora que o irmão Lim teve que nos deixar? Você não acha que ele vai se sentir mal por não poder mais ter comunhão conosco por ter que servir às forças armadas? É claro, ele terá companhia de soldados cristãos, contudo, eles só vão conversar com ele sobre assuntos mundanos. Será impossível o irmão Lim abrir seu coração com alguém ali porque não há santos nascidos de novo. Ele vai sentir muito a nossa falta quando quiser conversar sobre as coisas espirituais que conversava conosco.
Na verdade, nós só podemos ter comunhão uns com os outros porque permanecemos na Igreja após termos recebido a remissão de pecados e temos um só coração. Nada poderia ser mais maravilhoso do que termos um só coração. É por isso que você e eu temos que estar unidos em amor, andar em amor, buscar o Senhor em amor e segui-Lo em amor. Assim como Cristo se sacrificou para nos salvar, todos nós temos que ajudar uns aos outros para que sejamos edificados.
Está escrito em Hebreus 13:9: “Não vos deixeis envolver por doutrinas várias e estranhas. Bom é que o coração se fortifique com a graça, e não com alimentos que não trouxeram proveito nenhum aos que com eles se preocuparam”. Como esse texto nos ensina, o seu e o meu coração tem que ser fortalecido pela verdadeira graça que Deus nos deu ao invés de tentarmos edificar uns aos outros pelos nossos próprios meios ou bens materiais. Nosso coração tem que estar firme no amor de Deus e na salvação que Ele nos deu.
É Deus quem nos guarda, nos guia e nos protege; foi Ele quem nos trouxe para Sua Igreja, nos leva a servi-Lo e nos abençoa para que cresçamos fortes nela, a fim de que vivamos para o Senhor; e este Deus nos disse para nos fortalecermos nas Suas bênçãos. Assim sendo, vamos nos fortalecer na fé. Vamos todos andar em amor e permanecer Nele pela fé.