Sermões

Assunto 13: O Evangelho Segundo MATEUS

[Capítulo 24-3] (Mateus 24:3-14) Vamos Ser Obreiros Fiéis Até o Fim

(Mateus 24:3-14)
“Estando ele assentado no monte das Oliveiras, aproximaram-se dele os discípulos, em particular, e lhe pediram: Dize-nos quando acontecerão estas coisas, e que sinal haverá da tua vinda e do fim dos tempos. Respondeu-lhes Jesus: Acautelai-vos, que ninguém vos engane. Pois muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo, e enganarão a muitos. Ouvireis de guerras e rumores de guerras, mas cuidado para não vos alarmardes. Tais coisas devem acontecer, mas ainda não é o fim. Levantar-se-á nação contra nação, reino contra reino, e haverá fomes, pestes e terremotos em vários lugares. Todas estas coisas, porém, são o princípio das dores. Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e vos matarão. Sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo, muitos se escandalizarão, trair-se-ão mutuamente e se odiarão uns aos outros. Surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de quase todos esfriará. Mas aquele que perseverar até o fim será salvo. E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações. Então virá o fim.’”
 
 
Os discípulos perguntaram a Jesus: “Quando essas coisas acontecerão? E qual será o sinal da Sua vida e do final dos tempos?” Então nosso Senhor respondeu-lhes com poucas palavras. Como começamos a ler no capítulo 24 e versículo 36 ao 39, nosso Senhor diz: “Porém, a respeito daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, mas unicamente o Pai. Como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Pois assim como nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca, e não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos - assim será também a vinda do Filho do homem”.
 
 
Os Sinais que Aparecerão no Final dos Tempos
 
O Senhor falou poucas coisas sobre os sinais que apareceriam no final dos tempos. Um deles foi, que como as pessoas não sabiam sobre o dilúvio nos dias de Noé até acontecer, elas também não saberão da vinda do Senhor até o momento em que Ele voltar. Elas não estão interessadas nas coisas que acontecerão no futuro. Nos dias de Noé as pessoas estavam comendo, bebendo, casando, se dando em casamento e não estavam cientes do dilúvio que viria e as levaria.
Jesus disse que a vinda do Filho do Homem seria assim. Agora mesmo, o hábito das pessoas comerem, beberem, casarem e se darem em casamento cresceu muitíssimo. Até o final dos tempos, as pessoas talvez percebam que esse mundo civilizado é uma utopia criada por elas. Nós vivemos dias de circunstâncias semelhantes aos dias de Noé. As coisas se desenvolveram em grandes proporções. Além disso, vivemos em uma época que as pessoas fazem o que querem fazer.
Os atos de comer, beber, casar e se dar em casamento se tornam cada vez mais comuns, conforme se aproxima o final dos tempos. É obvio que coisas assim sempre existiram em nossa sociedade, e eu não estou dizendo que elas são ruins. Mas, o que eu estou dizendo é que as pessoas ficaram interessadas somente nos desejos da carne. Não há nada que elas não possam fazer nesses dias. Nós fazemos aeroportos no mar e criamos lindas e exuberantes fontes usando raios laser e água. Se as pessoas colocam nessas coisas o seu coração, elas desfrutam de mais prazeres do que os reis do passado desfrutaram.
Nesses dias, a comida que comemos é muito diversificada. Quando temos dinheiro, podemos comer de todas, porque há restaurantes que servem comidas exóticas que nunca experimentamos antes. Isso se refere também a casar e se dar em casamento, o que se tornou algo grandioso e exuberante. Mesmo quando a economia vai mal, a industria do casamento está prosperando.
As cerimônias de casamento estão cheias de convidados. Quando vamos a uma cerimônia de casamento, o noivo e a noiva ficam em suas respectivas salas de espera. Ao invés de ficarem andando pelo salão quando são chamados, eles ficam juntos em um certo lugar e aparecem ao mesmo tempo num trenzinho cercado de fumaça, como um rei e uma rainha em meio ao aplauso dos convidados. Nós vivemos em uma época em que as pessoas fazem o que querem e quando querem.
Jesus disse que os sinais do final dos tempos seriam como nos dias de Noé. As pessoas estao envolvidas em comer, beber, casar e se dar em casamento. O coração delas está cheio das coisas do mundo. As emoções humanas estão totalmente ligadas naquilo que as estimula. Como resultado disso, a cultura se tornou tão hedonística que as pessoas buscam somente o prazer de comer, beber e de ter relações sexuais.
Os discípulos perguntaram a Jesus: “Qual será o sinal do final dos tempos?” Nosso Senhor disse-lhes para tomarem cuidado com os enganos no final dos tempos. Então Ele disse: “Ouvireis de guerras e rumores de guerras, mas cuidado para não vos alarmardes. Tais coisas devem acontecer, mas ainda não é o fim”. Ele disse que nação se levantaria contra nação e reino contra reino e que haveria fome, pestes e terremotos em vários lugares; mas que todas essas coisas seriam somente o princípio das dores.
Guerras e rumores de guerra são sinais de um mundo atribulado. Dizem que cerca de trezentas pessoas morreram em uma recente inundação no México. Eu fiquei imaginando como pode ter chovido tanto para um numero tão grande de pessoas ter morrido sem ajuda. Parece que ultimamente temos freqüentemente sido testemunhas de fomes severas e grandes terremotos. Há famintos na Somália e na Coréia do Norte, e terremotos na Turquia e em Taiwan. Foi reportado que a Rússia está atacando a Chechênia, que estava sob o seu domínio. A Chechênia é um pequeno país com somente 19.000 km2 e uma população de 800.000 pessoas. mas um grande país como a Rússia está cobiçando esse pequeno país que é cerca de 1/1000 do seu tamanho. Isso irá acontecer muito mais no futuro. Nosso Senhor disse que nação se levantaria contra nação e reino contra reino.
Essa passagem também diz que haverá muitas guerras e rumores de guerra. A Coréia do Sul têm estado numa situação instável sob um acordo de cessar-fogo desde 1953. Isso significa que a qualquer momento uma das Coréias pode violar esse tratado e declarar guerra contra a outra. Contudo, a Coréia do Sul têm conseguido manter a paz até agora. Isso porque Deus têm protegido esse país por Seu amor pelos justos daqui. Eu não consigo ser grato o bastante por Deus ter protegido esse país quando ele passou pela crise, e por nos permitir pregar o evangelho incessantemente.
 
 
O Princípio das Dores Já Começou no Mundo Todo
 
“Todas estas coisas, porém, são o princípio das dores”. As dores já começaram por todo o mundo. Está escrito: “E haverá fomes, pestes e terremotos em vários lugares. Todas estas coisas, porém, são o princípio das dores”. Esses são os desastres naturais e as coisas permitidas por Deus. não são coisas que Deus faz intencionalmente. Nosso Senhor já sabia que essas coisas iriam acontecer. O homem não sabe o que acontecerá no futuro, mas o nosso Deus Onisciente sabe de todas as coisas.
O Senhor disse que haveria fomes e terremotos. O que você acha que acontecerá a você quando as fomes e os terremotos chegarem nesse mundo? Esse tempo presente é o começo das dores. Você acha que as pessoas podem viver onde há terremotos e fomes? Quando um forte terremoto acontecer, todos irão morrer. Houve um terremoto que registrou sete pontos na escala Richter em Taiwan, mas as pessoas de lá nem ficaram surpresas. Para elas, a morte de umas poucas milhares de pessoas é muito comum. Furacões de ponto 5 de magnitude ocorrem lá freqüentemente, por isso elas são tão indiferentes. O que aconteceria se fosse conosco? Se as lâmpadas fluorescentes balansassem e as estantes caíssem enquanto estivéssemos adorando, todos os santos correriam. O povo taiwanês poderia até correr também, mas eles não ficariam com tanto medo e nem se abalariam como nós. Eles são muito diferentes de nós.
Todavia, alguns países desaparecerão por causa dos terremotos. Imaginem por um momento que houvesse um forte terremoto na Coréia. Se um terremoto de escala 7 atingisse a Coréia, ele provavelmente seria uma ameaça à nossa existência. Não somente a economia iria desmoronar, mais da metade da população iria morrer, e o próprio país iria desaparecer. É claro que isso é apenas uma especulação.
“Todas estas coisas, porém, são o princípio das dores” (Mateus 24:8). Quando o povo pensar somente em comer, beber, casar e se dar em casamento, quando as nossas práticas forem as mesmas das dos dias de Noé, será o fim dos tempos. No mundo, isso acontecerá quando os furacões e fomes ocorrerem freqüentemente aqui e ali. No momento, há um alerta mundial sobre a gripe das aves. Originalmente, era uma doença virótica que se espalhava somente entre as aves, mas pela mutação, ela se tornou numa doença mortal que pode ser transmitida para humanos. Um certo patologista previu que aproximadamente 150 milhões de pessoas poderiam morrer dessa doença. E quanto a Síndrome Respiratória Severa Aguda (SARS)? É amplamente conhecido que o vírus da AIDS e Ebola tem tomado conta da África e do mundo civilizado.
Esse tempo atual tem se tornado o princípio das dores. Nosso Senhor disse que, no final dos tempos, o amor de muitos se esfriaria porque a iniqüidade se multiplicará. Há muitos que estão desistindo de ser um ser humano. Há muitas pessoas cruéis nesse mundo. Assim como Ele disse que o amor se esfriaria, o verdadeiro amor tem se esfriado. Hoje em dia não há muito amor. Não há nenhum amor entre os que vivem nem no andar de cima e nem no andar de baixo. Não há nenhuma relação entre os vizinhos que moram ao lado, e nós nem sabemos se eles se mudaram ou não. O relacionamento entre as pessoas se tornou tão frio e indiferente, que o cadáver de um vizinho idoso que vivia sozinho estava apodrecendo dentro da casa, e ninguém o descobriu por 5 meses.
Tempos atrás, quando nos mudávamos para uma nova vizinhança, nós distribuíamos bolos de arroz para os vizinhos. Na Coréia, as pessoas costumavam distribuir bolos de arroz com seus vizinhos quando estavam celebrando o seu aniversário. Mas com a aceleração da urbanização, lindos costumes como esses desapareceram. Há ainda os que distribuem o feijão vermelho coberto de bolos de arroz cozido embalados com papel alumínio. Geralmente, há uma nova loja abrindo que vende bolos de arroz. O amor tem esfriado na nossa sociedade também.
 
 
E no Final dos Tempos o Amor Esfriará
 
O amor tem esfriado para mim também. No passado, eu costumava separar algumas sobras porque eu queria dá-las aos mendigos. Mas agora, eu os mandando embora. Quando eu era jovem, freqüentemente não havia nenhum arroz no pote de arroz. Assim meus pais nunca me deixavam comer arroz sem permissão. Eles me diziam que se eu comesse arroz escondido, eles iriam morrer. Por causa disso, somente um pouco de arroz sobrava. Já que as crianças estavam pegando e comendo arroz de brincadeira, eles tomaram aquela atitude para evitar que o arroz acabasse.
No entanto, quando aparecia um mendigo, meus pais davam o arroz que tinha sobrado no pote, mesmo sendo muito pouco. Mesmo não podendo nem comer um mingau, eles não mandavam embora sem dar alguma coisa aos monges ou mendigos que vinham pedir algum dinheiro. Eu acho que essa mentalidade vem da cultura coreana de encorajar o bem e punir o mal. Esses tipos de valores também são mostrados em velhas histórias coreanas como “Heungbu e Nolbu”, é a história de um bondoso irmão e seu irmão mais velho malvado. “Kongjui e Patjui”, é a história de uma bondosa órfã e sua meia-irmã cruel.
Há muito tempo atrás, havia dois irmãos chamados Heungbu e Nolbu. O mais velho, Nolbu, era um rico, porém malvado homem. Ele era ambicioso e perverso. Contudo, o mais novo, Heungbu, apesar de muito pobre, era um homem muito bom. Nolbu era tão mesquinho, que não importasse a situação difícil em que seu irmão Heungbu estivesse, ele nunca o ajudava. Um dia, um filhote de andorinha caiu de seu ninho em cima do telhado e quebrou sua perna. Heungbu cuidou da perna e tomou conta dele. Andorinhas vão embora quando chega o frio, mas essa voltou à casa de Heungbu na primavera seguinte. Graças a Heungbu, a andorinha trouxe uma semente de abóbora em sua boca e a deu a ele em agradecimento por sua gentileza. Heungbu a plantou na terra. Rapidamente as abóboras cresceram e Heungbu abriu-a. Ouro e prata, junto com jóias caíram no chão. Então ele e sua família passaram a viver em uma casa que era como um palácio.
Quando Nolbu viu isso, ele ficou ganancioso. Ele pegou uma andorinha saudável, quebrou sua perna e cuidou dela. Essa andorinha também voltou na primavera seguinte trazendo uma semente de abóbora em sua boca. Radiante, Nolbu plantou a semente e esperou ela crescer. Assim que ela cresceu, ele aguardou ela abrir com grande expectativa. Assim então, terríveis demônios e duendes saltaram para fora e atormentaram Nolbu. Assim, dizem que Nolbu foi destruído.
Por causa dos seus princípios morais, as pessoas costumavam dar um pote de arroz e tudo o que aqueles que estavam passando por dificuldades precisavam. Independente se as pessoas faziam isso ou não, o seu coração era bom e generoso. Como resultado disso, tanto aqueles que mendigam e moram debaixo da ponte de uma cidade, quanto as crianças que vivem em orfanatos, todos comem bem. É porque as pessoas dão a eles tudo o que têm, apesar de não terem muito para si mesmas. As crianças dos orfanatos andam com ótimos sapatos e roupas enquanto crianças com família andam com as calças usadas de seus irmãos mais velhos. Antigamente, o coração das pessoas era verdadeiramente bom.
Contudo, com o passar do tempo, o coracao das pessoas se tornou mau, e o mundo se tornou num lugar sem qualquer alegria. Às vezes quando olhamos as pessoas, muitas delas nos fazem pensar instintivamente: ‘Ei! Aquilo é um ser humano? Oh! Eu realmente não quero estar ao lado daquele homem. Eu quero deixá-lo’. Na maioria dos casos, aqueles que são é que são assim. Verdadeiramente esse é uma época em que a bondade desapareceu, assim como a nossa humanidade.
Nesses dias o amor tem se esfriado. Está escrito que aquele que perseverar até o fim será salvo. Também está escrito: “E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações. Então virá o fim” (Mateus 24:14). Você deve prestar atenção nisso. quando o evangelho for pregado por todo o mundo, o fim virá.
Então nós devemos colocar todo o nosso esforço em pregar esse evangelho. Nesse ano, porque a propaganda não foi muito bem, e porque houve algumas falhas em nossa preparação, foram distribuídos muitos poucos dos nossos livros nos Estados Unidos. Todavia, eu tenho fé que haverá mais vendas dos nossos livros, a continuação do trabalho dos servos de Deus, e mais igrejas abrindo no próximo ano.
Agora mesmo, nossos livros estão à venda em grandes livrarias virtuais como a Amazon.com e a Ingram. Quando os nossos livros se tornarem conhecidos, todos os que quiserem eles, poderão tê-los. Nós estamos assegurados não somente na Coréia mas também em um grande mercado. Nos Estados Unidos, há 50 estados, muitos deles são maiores que a Coréia. Nossos livros já entraram nos lugarem onde o inglês é falado,e eles irão entrar nos lugares onde se fala o chinês também. Além do Japão, o evangelho agora será pregado a pequenos países na Ásia, e também nos da Europa.
“Esse evangelho do reino” se refere ao evangelho da água e do Espírito o qual nós temos. Levará apenas poucos anos para esse evangelho ser pregado por todo o mundo. Nós começamos com muita dificuldade, mas temos conseguido nos fortalecer agora. E assim que o evangelho for estabelecido, ele será pregado rapidamente, mesmo que não percebamos isso.
Nos dias do apóstolo Paulo, esse evangelho foi pregado por pessoas que iam por si mesmas aos lugares, reuniam os outros, e então pregavam em voz alta. Mas com o avanço da tecnologia e transporte, nós podemos pregar o evangelho de maneira mais eficaz através do ministério de literatura. Eu posso pregar sobre um certo assunto tanto quanto eu quero um simples volume de um livro. E também chegou o tempo em que o mundo inteiro pode ler um simples volume de um livro escrito em inglês. Dessa forma, o evangelho será pregado por todo o mundo rapidamente. Esses tempos são bons. Tão bom que o evangelho pode ser pregado através de livros, internet, rádio e anúncios de televisão. Então, não levará muito tempo para o evangelho ser pregado por todo o mundo.
 
 
O Evangelho da Água e do Espírito Será Pregado Por Todo o Mundo, E Então Virá o Fim
 
O fim chegará quando esse evangelho for pregado por todo o mundo. Esse “o fim chegará” significa que a tribulação virá e que tudo acontecerá como está escrito na Palavra de Deus. Quanto tempo resta? Certamente não resta muito tempo. Quantos anos levará? Agora mesmo, o evangelho tem entrado nos Estados Unidos. (Nota do autor: essa pregação foi feita em 1999 quando começávamos a distribuir nossos livros por todo o mundo). Porque ele entrou nos Estados Unidos, ele também entrará em breve nos países de língua inglesa ao redor do mundo. É claro que nós falamos somente dos países que conhecemos, mas há muitos outros países que nós nem conhecemos. Há muitos países que não sabemos nem o nome deles, mas tudo se cumprirá em poucos anos. Nós estamos pregando para o mundo todo, e eu creio que isso acontecerá em breve. É claro que o mundo é grande e há muito o que fazer, mas não é tão grande que não possamos fazer. Há muitas coisas para se fazer, mas apesar disso, eu acho que não levará muitos anos. com mais alguns anos de pregação, nós acabaremos de pregar o verdadeiro evangelho.
Eu creio no que a Palavra ensina. Isto é, que quando o evangelho for pregado por todo o mundo, o fim chegará. Nós temos que crer que agora mesmo é o começo das dores e dos últimos dias. Contudo, nós temos que viver totalmente para a pregação do evangelho. Nós temos que unir nossas forças e servir ao evangelho. Cada um de vocês tem que pessoalmente levar o evangelho aos que são próximos a vocês, ou dar-lhes nossos livros. Todos nós temos que ter o interesse de pregar o evangelho por todo o mundo. Nós temos que considerar isso nossa meta de vida e unir nossos corpos e corações.
Meus amigos, o trabalho que fazemos parecer ser muito pequeno, mas há novidades, porque as livrarias virtuais dos Estados Unidos começaram a vender os nossos livros. Como vocês sabem muito bem, o interesse por lucro não é o alvo desses vendedores virtuais. Nós só queremos distribuir nossos livros de maneira mais ampla possível através dos meios disponíveis. Em breve, o segundo livro em inglês será publicado. O volume 2 é muito melhor que o volume 1. No volume 2, são feitos debates dobre o evangelho, e ele tem mais conteúdo que o volume 1. Certamente ele trará resultados melhores. Tendo em mente que não levará muito tempo para pregar o evangelho por todo o mundo.
Nós devemos ter em mente que os tempos atuais são iguais aos dias de Noé. Mesmo casando, nos dando em casamento e fazendo todas as demais coisas, uma coisa que os justos tem que ter em mente e nunca tirar do coração é que o tempo atual é o finald os tempos. Temos que nos lembrar disso todos os dias. Quando você assiste televisão, você pode ver como o tempo está mudando e as coisas acontecendo na Coréia. Não somente na Coréia, mas o mundo todo está entrando no tempo das dores. Estou dizendo que devemos crer que agora estamos vivendo num tempo igual aos dias de Noé. Devemos crer que quando o evangelho for pregado por todo o mundo, o fim chegará.
Devemos entender e crer nisso e viver como se isso estivesse acontecendo hoje. Devemos continuar vivendo com a consciência que não resta muito tempo para esse mundo. Deus diz que nos dias de Noé, as pessoas se casavam, se davam em casamento, e etc, não sabendo e nem se importando, até que o dilúvio veio e a destruição se abateu sobre eles. Agora mesmo, só os nascidos de novo sabem que tempo é esse. Os outros não sabem. Eles pensam que terremotos são somente fenômenos naturais que acontecem e continuarão acontecendo no futuro. E que a humanidade continuará existindo. Que os que comem bem e são ricos continuará levando uma boa vida. E acham que o humem continuará a viver bem porque a ciência continuará crescendo e que o futuro será uma utopia.
 
 
Enquanto Alguém Tem Dinheiro, Esse Mundo é um Lugar Bom no Qual se Vale a Pena Viver
 
Havia um tempo em que eu me sentia assim. O sentimento de que se você tivesse dinheiro, esse mundo seria bom e a vida valeria a pena se viver. Mas você não deve esperar muito disso, porque a maneira que eu pensava antes não era grande coisa. Por favor, me dêem ouvidos, pois as pessoas podem achar que algo trivial tem uma grande importância.
Quando você vai a um mercado dirigido pela cooperativa de agricultura, você os verá vendendo vários chás naturais e outras coisas. Quando eu passei perto de um, eu entrei. Havia muitas coisas sensacionais. Lá, eu comprei um saco de chá pronto e provei dele. Era chá de Schisandra.
Quando eu era jovem, eu morava em Busan. Próximo ao nosso bairro havia uma árvore de Schisandra. O fruto vermelho da Schisandra parecia muito gostoso. Pensando bem, eu lembro que nós plantamos algumas árvores de Schisandra próximas ao muro. Nós recolhemos os frutos e os deixamos secar por algum tempo para depois fazermos o chá de Schisandra. É um trabalho tão duro que nos tira do sério. Esse tipo de trabalho requer muita dedicação. Mas aqui em poucos segundos eu podia comprar um saco cheio deles com um pouco de dinheiro. Como eu fervi um pouco d’água e coloquei a fruta dentro, ela se tornou naquele colorido lindo do chá de Schisandra. Uau! Como eu tenho dinheiro, isso torna o mundo melhor de se viver.
Por causa disso, eu posso compreender sobre o pensamento daqueles que tem dinheiro e não crêem que a destruição está vindo. Como eu estava tomando o chá de Schisandra que eu tinha feito, eu fiquei pensando que o mundo é muito conveniente quando se tem dinheiro. Eu pensei que aqueles que possuem dinheiro têm um bom estilo de vida, e que eles temeriam mesmo a vinda do Senhor. Na verdade, houve um tempo que eles realmente tinham medo de que a vinda do Senhor estivesse próxima. Eles eram os anciãos e diáconos que diziam: “O Senhor não deve vir ainda”. Porque esse mundo estava tão bom e confortável, eles não queriam que o Senhor voltasse logo. Dizem que havia realmente casos de pessoas que não queriam que o Senhor voltasse porque seria uma aflição não ter tempo de desfrutar da boa vida.
Esse mundo é realmente bom. Eu posso comprar e tomar esse chá, que é tão difícil de fazer, somente pagando por ele! Quanto conforto há para queles que são ricos? Quando alguém tem dinheiro, ele pode vestir um casaco feito de couro de jacaré. Pense em como caçar um jacaré, secar seu couro, fazê-lo passar por todo o processo químico, para então fazer um casaco com seu couro. Se você dependesse de pegar um jacaré em toda a sua vida, você nunca poderia vestir roupas feitas de seu couro. Você provavelmente teria um braço quebrado e uma perna cortada por tentar pegar um jacaré. Assim, se você pagar uma certa quantia, você pode vestir um casaco feito de couro de jacaré sem demora. Da mesma forma, alguém que morre de medo só de olhar para um leopardo, pode vestir um casaco feito de pele de leopardo somente comprando-o. Esse mundo é bom contanto que se tenha dinheiro.
Há pouco tempo atrás, a esposa de um ex-ministro da Coréia arruinou o seu marido por aceitar um casaco como este como de presente. Eu pensei comigo mesmo: “Tudo é possível nesse mundo contanto que alguém tenha dinheiro”. As pessoas estão tão impregnadas pelo mundo que elas não sabem se Jesus as salvou ou não, se a tribulação virá ou não, e se as dores virão ou não. Elas tão somente não sabem, como não se importam. Elas não se importam se há ou não os Céus, se são ou não justas, e se há ou não essa coisa do pecado ter sido apagado. Nós atualmente estamos vivendo tempos assim.
 
 
Ao Invés de Vivermos Envolvidos nas Coisas do Mundo, Devemos Estar Aptos a Reconhecer a Chegada do Final dos Tempos
 
Está escrito que quando o evangelho for pregdo por todo o mundo, o fim chegará. Porque vivemos esses tempos, nós estamos pregando o evangelho agora mesmo. Os nascidos de novo podem continuar vivendo buscando as coisas do mundo, estando envolvidos com elas. Mas nós temos que reconhecer os tempos atuais. Se fôssemos viver envolvidos nas coisas do mundo, virando nossas costas para Deus, para a igreja do Senhor, e para a pregação do evangelho, nós estaríamos na lista dos mortos, como aqueles que morreram durante os dias de Noé.
Você passará pela tribulação se se envolver nas coisas do mundo e não servir ao evangelho nesse tempo. Ló, sobrinho de Abraão, sofreu o julgamento porque ele morava em Sodoma e Gomorra. Ele passou tribulação, incapaz de salvar uma simples agulha de tudo o que possuía. Sua esposa se tornou uma estátua de sal. Foi porque sem saber, ele dormiu com suas filhas, ele se tornou o pai das nações gentias, os moabitas e os amonitas, que se opõem ao povo de Deus.
O Senhor irá renovar nosso coração uma vez mais através da tribulação, e então nos levará ao Seu Reino. Nós encontraremos o Senhor, após sofrermos martírio. Eu acho que será muito bom. Nós podemos morrer enforcados ou feito em pedaços depois de termos vivido para o Senhor. Os nascidos de novo sofrerão as piores atrocidades. Nós iremos também morrer executados ou expostos a uma forte tentação. Mas se vencermos tudo isso pela fé, mesmo tendo sofrido tortura e uma morte horrenda, a vitória será algo mais jubiloso.
Não importa o quanto a tortura seja severa, os que crêem no evangelho não poderão negá-lo. Apesar deles quererem dizer que não crêem, dentro deles, o Espírito Santo dirá: “Ei! Não diga tais palavras. Você agora é um filho de Deus e é destinado a ir para os Céus. Mas você continuará Me negando? Então, Eu negarei você também”. Eles não poderão trair o Senhor ou o evangelho. Mesmo se as palavras estiverem prestes a sair de suas bocas, o Espírito Santo os impedirá de traírem o evangelho.
Queridos irmãos, nós podemos ficar dependentes desse mundo com um simples deslize. Se admitimos isso ou não, nosso coração está em parte preso ao mundo nesse mesmo instante. Onde quer que iremos, corremos o perigo de nos tornarmos dependentes desse mundo. Nós vivemos tendo um coração reto. Nós podemos viver pela fé porque temos o desejo de pregar o evangelho por todo o mundo como o alvo da nossa vida. Tendo esse alvo em mente, nós podemos manter nossa fé. Se não tivermos esse propósito, nós escorregaremos e cairemos.
Se fôssemos pregar o evangelho somente na Coréia, nós faríamos isso em um ano. Na Coréia não levaria nem um dia de trabalho. O trabalho de pregar o evangelho para todas as pessoas na Coréia poderia ser feito um um só dia. Ele será pregado completamente se nós abastecermos cada livraria com nossos livros, colocarmos nossos anúncios em folha dupla em todos os jornais, e anunciá-los no ar. Quando o evangelho é introduzido dessa forma, aqueles que não precisam dele não comprarão nossos livros. Mas aqueles que precisam, não terão outra alternativa a não ser comprá-los. Se trabalharmos assim somente por um dia, o evangelho será pregado no país inteiro em poucos dias, mesmo sem fazermos tanto esforço.
Amados irmãos, podemos continuar vivendo porque vivemos pregando o evangelho por todo o mundo. Quando o Senhor estava vivo, Ele disse o seguinte: “Quem é, pois, o servo fiel e prudente a quem o Senhor constituiu sobre a sua casa, para dar o sustento a seu tempo? Bem-aventurado aquele servo a quem o Senhor, quando vier, achar servindo assim” (Mateus 24:45-46), e depois disse: “Porém, se aquele servo for mau e disser consigo: O meu senhor tarde virá, e começar a espancar os seus conservos, e a comer e a beber com os ébrios, virá o senhor daquele servo num dia em que o não espera, e à hora em que ele não sabe, e castigá-lo-á, e lhe dará a sorte dos hipócritas. Ali haverá choro e ranger de dentes” (Mateus 24:48-51). Está escrito que se alguém for hipócrita e não seguir a Verdade, assim como os fariseus, eles serão lançados no inferno. Assim como os fariseus eram mestres que fingiam obedecer a lei, sendo também hipócritas, essas pessoas terão a sua sorte como a dos hipócritas. Nosso Senhor disse isso.
 
 
Vamos nos Unir, e Ir para Deus Após Servirmos o Evangelho
 
Eu quero que você se prepare. Você deve se preparar e ter um objetivo claro. Nosso objetivo é continuar vivendo pela fé com o tempo que nos resta. E mesmo que os tempos sejam assim, e quaisquer que sejam as circunstâncias, você deve continuar vivendo pela fé sem se preocupar. Não importa a situação, você nunca deve deixar a igreja. O que quer que aconteça, você deve continuar servindo o evangelho, e tomando conta uns dos outros com uma só mente e coração. Você nunca deve deixar a igreja, e nem desistir de pregar o evangelho por todo o mundo. É totalmente certo que nós somos aqueles que têm que cumprir essa tarefa.
Amados irmãos, acontecerão mais desastres no futuro. Mesmo que aconteçam mais desastres e dificuldades a nossa frente, nós não esperaremos por elas de braços cruzados. Independentemente de quando esse dia chegar, temos que pensar na obra que devemos fazer. Temos que planejar e continuar com a obra rapidamente. Quando o dia em que as dores e as tribulações chegarem, nação se levantando contra nação, e pessoas em todo o mundo capturando e matando os justos, o que acontecerá conosco? Nós sofreremos o martírio e iremos para o Reino do Senhor. Ou, como a igreja de Filadélfia mencionada no livro de Apocalipse, nós escaparemos da tribulação. Poderemos viver como membros da igreja como santos, e encontrarmos com o Senhor. É um ou outro.
Qualquer que seja o caso, martírio ou tribulação, não é algo que podemos evitar. Em ambos os casos, eu me desejo boa sorte e a vocês também. O Senhor pode não nos chamar logo, nós podemos ir para Ele só depois de corajosamente abraçar o martírio. Ou podemos ser arrebatados após fircarmos firmes até o fim, sem passarmos pela morte. Se nós servirmos ao evangelho e vivermos para ele até o fim, eu creio que o Senhor nos dará graça.
Atualmente estamos vivendo tempos como os de Noé. Vamos unir nossos pensamentos, pregar o evangelho, continuar com a obra que temos que fazer, e então partir. O Senhor decidirá o dia e a hora em que virá. Com relação à tribulação e o arrebatamento, eles estão sob a autoridade do Senhor. O que devemos fazer com o tempo que nos resta é a obra de pregar o evangelho do Reino por todo o mundo. O Senhor virá quando cumprirmos a meta de pregar o evangelho da água e do Espírito por todo o mundo. Se o Senhor nos levar em meio a tribulação, seremos levados por abraçarmos o martírio. Mas se nos considerarmos como os santos fiéis, como aqueles da igreja de Filadélfia, nós seremos arrebatados, sem provarmos da morte.
Em meu coração, eu gostaria de poder ser transladado subitamente como Elias e Enoque. Eu gostaria que meu corpo fosse arrebatado, ao invés de ter que sofrer a tribulação e a morte. Você gostaria disso também? Nós vivemos em uma época em que devemos considerar seriamente a Palavra com relação ao final dos tempos. Não é uma época da qual devemos fazer piada ou pensar que será um longo caminho. A própria Palavra diz isso.

Este mundo está quase chegando ao fim. Mas apesar disso, se formos viver por mais alguns anos, dez, ou cem anos, eu espero que possamos encontrar o Senhor após termos feito nosso melhor na obra que foi confiada a nós, tendo usado todos os nossos recursos para pregar o evangelho. Eu desejo que vocês se tornem pessoas abençoadas.