Sermons

Assunto 18: GÊNESIS

[Capítulo 3-2] O Pecado Veio a Este mundo (Gênesis 3:1-6)

O Pecado Veio a Este mundo
(Gênesis 3:1-6)
“Ora, a serpente era o mais astuto de todos os animais do campo, que o Senhor Deus tinha feito. Esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim? Respondeu a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim podemos comer, mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis, para que não morrais. Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis. Porque Deus sabe que no dia em que comerdes desse fruto, os vossos olhos se abrirão, e sereis como Deus, conhecendo o bem e o mal. Vendo a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento, tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, que estava com ela, e ele comeu”.
 
 

Satanás Existe Mesmo?

 
Deus nos mostra no capítulo três de Gênesis que Satanás existe mesmo, e como ele tentou o homem e o enganou, ele o impediu de crer em Deus e o fez cair em pecado, introduzindo assim o pecado no seu coração.
Quando lemos o capítulo um e dois de Gênesis, podemos ver como Deus criou cada animal segundo sua espécie, mas não está escrito que Ele criou Satanás nem os anjos.
Todavia, quando lemos o capítulo três, ele nos fala sobre a serpente. Nós podemos ver como ela levou Adão e Eva a desobedecer à Palavra de Deus comendo o fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. Aí nós passamos a conhecer Satanás, cuja obra é se opor a Deus. Está escrito: “Esta disse à mulher: É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?”
Ao analisarmos o que a serpente fez, podemos ver como o diabo usou uma criatura de Deus para cumprir seu desejo. Em outras palavras, assim como Deus anuncia o evangelho a nós, Satanás se opõe a Ele usando seus instrumentos, aqueles que fazem a sua vontade.
Deus diz em Gênesis 2:17: “Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás, pois no dia em que dela comeres, certamente morrerás”. Quando nós comparamos essa Palavra com o que Satanás disse a Eva, podemos ver o engano do diabo que fez com que ela viesse a desobedecer ao mandamento de Deus. Satanás disse a Eva: “É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?”
Deus disse isso mesmo? Tendo criado todas as árvores frutíferas do Jardim do Éden, Deus não disse a Adão e Eva que eles podiam comer o fruto de todas elas? Ou Ele disse a eles para não comer somente do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal? Ele os proibiu de comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal. Mas Satanás disse a Eva: “É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?”
Podemos ver o engano do diabo aqui. Ele se apropriou indevidamente da Palavra de Deus para aplicar seu veneno maligno nas pessoas. Melhor dizendo, ao modificar ou subtrair pequenas coisas na Palavra de Deus, Satanás acaba impedindo as pessoas de crer nela. E até agora o diabo continua abusando e distorcendo a Palavra de Deus, e com seus truques levando inúmeras pessoas a crer na mentira.
Veja os falsos pregadores do Cristianismo hoje. Os servos de Satanás não estão no mundo todo mentindo descaradamente, apesar de dizerem que crêem em Deus e citarem Sua Palavra? Quando o Calvinismo propõe certas doutrinas como a doutrina da predestinação, da eleição, da justificação e daí por diante, ele não faz isso sem nenhuma base, mas citando a bíblia. Do mesmo modo, o diabo também opera com a Palavra de Deus e distorce a Verdade adicionando ou subtraindo algo dela.
Deus disse a Adão e Eva para comer de todas as árvores do jardim, mas com uma exceção: eles não deveriam comer da árvore do conhecimento do bem e do mal. E a árvore da vida também estava incluída em todas aquelas que eles poderiam comer. Ele só os proibiu de comer da árvore do conhecimento do bem e do mal.
Por que Deus disse a Adão e Eva para não comer dessa árvore? A verdade é que Deus queria que o homem aceitasse Sua vontade, confiasse nela e vivesse pela fé ao invés de julgar por si mesmo o que era bom ou ruim, o que só cabia a Deus. E Ele fez a árvore do conhecimento do bem e do mal somente com este propósito. Ele fez essa árvore para que o homem não fosse mais exaltado que Ele, e assim cometesse o pecado da arrogância, de julgar a Deus por si mesmo. É por isso que todos que são enganados pelo diabo acabam cometendo o pecado da arrogância e se voltando contra Deus.
Gênesis 3:2-3 diz: “Respondeu a mulher à serpente: Do fruto das árvores do jardim podemos comer, mas do fruto da árvore que está no meio do jardim, disse Deus: Não comereis dele, nem nele tocareis, para que não morrais”.
Podemos ver aqui que Eva começou a acrescentar algo à Palavra de Deus e a subtrair também, ao invés de crer nela como ela é. Deus disse: “No dia em que comerdes certamente morrereis”, mas Eva afirmou que Deus falou: “Para que não morrais”. A primeira afirmação deixa bem claro que a morte seria certa, enquanto que a última diz que isto é somente uma possibilidade. Além disso, Deus especificou bem que a árvore proibida era “a árvore do conhecimento do bem e do mal” que estava no meio do jardim, mas Eva a descreveu apenas como “a árvore que estava no meio do jardim”, mostrando que ela não cria na Palavra de todo o coração. Ela disso isso, mas havia também no meio do jardim a árvore da vida. Adão e Eva não creram na Palavra, e não crer nela é pecado.
O que você acha que é o pecado? Você acha que é pecado desobedecer à Palavra de Deus? Sim, mas um pecado maior do que este é não crer nela. Na verdade, o maior pecado que há é não ter fé na Palavra de Deus. A falta de fé é a origem do pecado, sua semente e sua causa. O maior de todos os pecados é não crer na Palavra de Deus. Mesmo Deus tendo dito a Adão e Eva que eles certamente morreriam, Eva viu uma outra possibilidade nas palavras: “Para que não morrais”. De onde veio sua falta de fé então?
Essa falta de fé surgiu no momento em que ela ouviu as palavras do diabo. Quando Satanás perguntou: “É assim que Deus disse: Não comereis de toda árvore do jardim?” a mente de Eva já estava balançada e ela respondeu: “Deus disse: Para que não morrais”. É assim que a fé de alguém é corrompida quando ele cai na armadilha de Satanás.
Deste modo, temos que saber a resposta correta e entender exatamente o que Deus quis dizer. Como foi que Ele apagou nossos pecados? Ele os apagou através do evangelho da água e do Espírito. Jesus levou todos os pecados do mundo ao ser batizado e pagou o preço por todos eles derramando Seu sangue na Cruz e morrendo sobre ela, e todos nós que cremos nisso não temos mais pecado agora – esta é a própria Palavra da Verdade.
Se os servos de Satanás disserem: “Vocês podem esquecer o batismo e ainda assim ser purificados dos seus pecados e receber a salvação”, e acabarmos concordando, dizendo: “Bom, eu acho que isso é possível também”, isso significa que nós já caímos na sua armadilha. Melhor dizendo, a diferença de uma só palavra pode trazer conseqüências terríveis.
Há muitos cristãos neste mundo. Todos eles dizem que as pessoas irão para o Céu se crerem em Jesus e O confessarem como seu Salvador. Porém, apesar de todos os cristãos dizerem e crerem nisso, o que acontecerá se alguém não reconhecer que seus pecados foram passados a Jesus quando Ele foi batizado? Se um cristão crê apenas no sangue da cruz, no fim ele acabará sendo lançado no inferno. Isso porque ele não crê no que o Senhor fez por ele. Tal pessoa está cometendo o mesmo pecado que Eva cometeu quando foi tentada pelo diabo. Quando nós olhamos para a fé dos cristãos deste mundo, podemos ver que muitos ainda não tiveram um encontro com Deus, apesar de crerem Nele, justamente porque crêem assim.
É por isso que as palavras que você ouve são tão importantes. Se você vier à Igreja de Deus, você ouvirá a Palavra de Deus e a pregará também, mas se você for a uma igreja que não prega a verdadeira Palavra de Deus, mas apenas algo parecido com ela, sua alma irá perecer então. Se a Igreja de Deus pregasse um pseudo-evangelho em vez do evangelho da água e do Espírito, todos na igreja veriam sua fé morrer. É por isso que não crer na Palavra de Deus é um grande pecado. E nós então? Você e eu cremos realmente na Palavra de Deus de todo o coração? Não crer na Palavra de Deus em si já é um pecado. Nós não vamos para o inferno só porque cometemos um pecado terrível, mas sim porque não cremos na Palavra de Deus e acabamos cometendo todo tipo de pecado. Blasfemar contra o evangelho da água e do Espírito é a própria blasfêmia contra o Espírito Santo (Hebreus 10:26-29).
Na Palavra, nós podemos entender como Satanás engana as pessoas e as destrói. Quando algumas delas se deparam com o evangelho da água e do Espírito, elas falam contra ele assim: “Todo cristão confessa que Jesus é o seu Salvador até mesmo quando crê apenas no sangue da cruz. Isso significa então que todos eles estão condenados ao inferno? Em mais de 2000 anos de história do Cristianismo, quando exatamente este chamado evangelho da água e do Espírito foi pregado?”
O evangelho da água e do Espírito é o verdadeiro evangelho pregado por Jesus. Todos os apóstolos e discípulos pregaram este mesmo evangelho. Entretanto, quando terminou o tempo da Igreja Primitiva – ou seja, quando o Cristianismo entrou na era dos pais da igreja – os pregadores do evangelho da água e do Espírito sumiram. Desde a vinda de Jesus até 313 D.C., quando o edito de Milão foi promulgado, o verdadeiro evangelho existia e estava bem ativo, mas depois disso ele desapareceu.
Isto aconteceu porque o joio semeado pelo diabo floresceu mais do que o trigo e acabou devorando-o. O que nós vemos hoje em dia aconteceu porque o diabo impediu as pessoas de crer totalmente na Palavra da Verdade de Deus. Se você e eu não tivéssemos crido na Palavra de Deus que veio através do evangelho da água e do Espírito, no fim nós também seríamos destruídos porque nossos pecados estariam intactos em nosso coração. Mas nós felizmente cremos na Palavra do evangelho da água e do Espírito e, portanto, recebemos a remissão dos nossos pecados e desfrutaremos da vida eterna no final. Eu sou muito grato a Deus por isso.
Muitos cristãos até hoje continuam pregando o evangelho errado nessa terra, apesar de afirmarem que estão pregando o evangelho celestial. Por exemplo, os testemunhas de Jeová dizem que crêem apenas em Jeová, já que só Ele é Deus, não Jesus. Mas estas não passam de palavras do diabo. A Igreja Presbiteriana, uma denominação baseada no Calvinismo, por outro lado, não dá nenhuma importância ao batismo que Jesus recebeu de João nem crê nele. A razão pela qual tais seguidores não aceitam o evangelho da água e do Espírito, mesmo quando pregamos para eles, é porque Satanás já confundiu seu coração com o pseudo-evangelho.
Mas apesar disso, nós temos que corrigir a fé errada dos cristãos agora. Nós temos que pregar o evangelho da água e do Espírito para todos eles, a fim de que eles possam entender a Verdade que os salva dos seus pecados.
Vamos ver Atos 2:38 agora: “Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados. E recebereis o dom do Espírito Santo”. Nós somos batizados para fazermos confissão da nossa fé, para confessarmos que o Senhor apagou nossos pecados com a água e com Seu sangue. Quando recebemos a remissão dos nossos pecados, nós também recebemos o dom do Espírito Santo. Não importa se você foi batizado apenas como um ritual ou não, o que importa é que você só poder receber a remissão dos seus pecados de Deus se crer no evangelho da água e do Espírito.
E mesmo que você não tenha sido batizado de fato, você receberá a remissão dos seus pecados se crer no evangelho da água e do Espírito. Nós somos batizados quando confessamos nossa fé no evangelho da água e do Espírito. Todavia, o diabo engana os cristãos dizendo que eles podem receber a remissão dos seus pecados somente se arrependendo e sendo batizados. As ciladas do diabo são muito astutas. Até os eruditos da bíblia não conhecem suas armadilhas. Isso porque eles já estão presos a elas.
Por isso, já que você e eu vivemos neste mundo, se não pregarmos o evangelho da água e do Espírito e denunciarmos as armadilhas de Satanás, inúmeras pessoas não poderão ser transformadas. Nós temos que entender como os cristãos estão sendo enganados hoje e explicar isso para eles. E já que temos a Palavra do evangelho da água e do Espírito como nossa única doutrina, se não a explicarmos para eles isso não valerá de nada então. É por isso que eu explano bem a Palavra de Deus e a explico sempre que a prego.
O problema de muitas pessoas é que elas não têm temor a Deus no coração. Então, ao invés de crerem segundo a Palavra de Deus, elas a interpretam à sua maneira e no final acabam perdendo a sua fé. As pessoas têm pecado no coração, pois não crêem segundo o verdadeiro evangelho ensinado na Palavra de Deus – isto é, no evangelho da água e do Espírito. E é por não terem o Espírito Santo no coração que elas sofrem tanto.
Por que Deus escreveu sobre as ciladas de Satanás aqui no livro de Gênesis então? Ele fez isso para nos ensinar uma lição: “A fim de impedir que o homem cresse na Palavra de Deus, Satanás adicionou e subtraiu coisas dela. Foi assim que a falta de fé veio a se manifestar no coração das pessoas, e, por causa disso, elas caíram em pecado, estão sofrendo as conseqüências e condenadas ao inferno”. Ao nos ensinar esta lição, Deus nos encoraja para que venhamos entender que temos que pregar o evangelho da água e do Espírito segundo a Sua Palavra.
Por isso, se não aprendermos a Palavra de Deus versículo por versículo não poderemos vencer o diabo, porque assim não conheceremos seus ardis. É por isso que temos que conhecer a Verdade do evangelho da água e do Espírito e crer nela, pois só assim poderemos ver como os outros estão sendo enganados.
Algumas pessoas pensam assim: “Nós não temos que estar junto a estes crentes então para analisarmos no que eles de fato crêem?” Mas já que existem muitas denominações e seitas na religião chamada Cristianismo, nós não temos tempo para examinar todas elas. E mesmos se tentássemos o resto de nossa vida, isso seria impossível. Mesmo se nós vivêssemos 70 ou 80 anos, não conseguiríamos examinar todas elas. Portanto, temos que aprender a Verdade definitiva do evangelho da água e do Espírito na Palavra de Deus e permanecer nela sem duvidar.
Está escrito acima: “Então a serpente disse à mulher: Certamente não morrereis”. Já que a mulher não se apegou à Palavra de Deus com firmeza, a serpente não a envenenou na mesma hora? O fato de Eva ter dito: “Para que não morrais” nos mostra claramente que ela não cria na Palavra de Deus. Foi por isso que a serpente na mesma hora adicionou suas mentiras à sua falta de fé. Ele a enganou dizendo: “Certamente não morrereis”. E por não ter tido fé foi que Eva tropeçou e caiu diante das palavras de Satanás.
Quando algumas pessoas encontram uma oportunidade de ficarem ricas bem rápido, elas pensam: “Isso me parece um negócio muito lucrativo”, e há vigaristas que sempre esperam uma oportunidade de dizer a elas: “Eu garanto totalmente o sucesso desse negócio. Você vai ganhar muito dinheiro com ele”. Assim, elas investem nele e são enganadas. Cedo ou tarde, no entanto, elas acabam falindo.
Nós temos que aceitar tudo que Deus diz pela fé, tudo mesmo. E o que quer que Satanás nos diga, temos que rejeitar e considerar o contrário. Se o diabo disser que certamente não morreremos, isso significa que com certeza morreremos. Tudo que o diabo diz que não vai acontecer, nós temos que entender que vai acontecer de fato. No versículo 5, Satanás continua a tentar Eva, dizendo: “Porque Deus sabe que no dia em que comerdes desse fruto, os vossos olhos se abrirão, e sereis como Deus, conhecendo o bem e o mal”. O que isso nos mostra? Nos mostra o diabo revelando sua verdadeira intenção.
 
 

O que Satanás é Realmente?

 
Está escrito em Isaías: “Como caíste do céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste lançado por terra, tu que debilitavas as nações! Tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu; acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono; no monte da congregação me assentarei, nas extremidades do norte. Subirei acima das mais altas nuvens; serei semelhante ao Altíssimo. Mas serás levado à cova, ao mais profundo do abismo. Os que te virem te contemplarão, considerar-te-ão, e dirão: É este o homem que fazia estremecer a terra, e que fazia tremer os reinos? Que punha o mundo como um deserto, e assolava as suas cidades? Que a seus cativos não deixava voltar soltos para suas casas?” (Isaías 14:12-17).
Está escrito aqui que um anjo chamado estrela da manhã, filho da alva, foi lançado fora dos Céus. E a razão disso é explicada em Isaías 14:13, que diz:
“Tu dizias no teu coração:
Eu subirei ao céu;
Acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono;
No monte da congregação me assentarei,
Nas extremidades do norte”.
Em outras palavras, havia um anjo que servia a Deus como seu secretário no reino celestial, mas em sua arrogância, este anjo conspirou com outros anjos e desafiou a Deus. E ele fez isso para tomar Seu lugar. Como resultado, ele foi expulso dos Céus, lançado na terra, e se tornou Satanás, o líder de todos os espíritos malignos.
Qual o verdadeiro motivo de Satanás ter tentado Adão e Eva como vemos no livro de Gênesis? Seu objetivo era ser igual a Deus.
Quando Deus disse a Adão e Eva para não comer do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, Sua intenção era que eles não discernissem o bem e o mal segundo seus próprios padrões. Foi por isso que Deus disse para eles não cometerem o fruto daquela árvore. Mas Satanás, por outro lado, disse a Eva: “Se vocês o comerem seus olhos se abrirão e vocês serão iguais a Deus”. Melhor dizendo, Satanás agora estava tentando desafiar a Deus enganando o homem no reino criado por Ele. Quando o diabo diz a Eva: “Porque Deus sabe que no dia em que comerdes desse fruto, os vossos olhos se abrirão, e sereis como Deus, conhecendo o bem e o mal”, ele está desafiando a Deus tentando substituí-Lo na vida do homem, pois ele mesmo já tinha sido expulso por fazer isso e tentar ser como Deus. Melhor dizendo, colocando dúvida no coração das pessoas e roubando sua fé, Satanás as impede de crer em Deus e se volta contra Ele através delas.
Mas, afinal, o que Adão e Eva acabarão fazendo? Eles não comeram o fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal? De fato, ambos acabaram comendo. Contudo, eles se tornaram como Deus depois disso? Não! Ao contrário, eles se tornaram seres miseráveis.
Todos nós somos descendentes de Adão e Eva, o casal que comeu da árvore do conhecimento do bem e do mal. Os nossos antepassados comeram do fruto dessa árvore, mas nós de fato conhecemos o bem e o mal? Longe de conhecermos realmente o que é bom ou mal, tudo que isso nos trouxe foi a capacidade de julgarmos por nós mesmos. Nós abandonamos a Deus e cometemos o pecado de julgar o bem e o mal por nós mesmos. Isso é uma grande ofensa.
O bem e o mal só podem ser determinados por Deus, o Ser Supremo. Mas já que o homem comeu do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele passou a ter seu próprio padrão do bem e do mal, e acabou julgando tudo que Deus fez por si mesmo, dizendo o que estava certo e o que estava errado, e se recusando a crer Nele.
Já que todo ser humano se recusa a crer na Palavra de Deus e se opõe a ela, eles merecem ser servos de Satanás e ser lançados no inferno com ele. Melhor dizendo, o certo é que aquele que caiu na tentação do diabo e se tornou seu servo seja lançado no inferno com ele, enquanto que os que se tornaram filhos de Deus crendo no evangelho da água e do Espírito, na Palavra de Deus, entrem no Seu Reino. Alguns podem até reclamar e dizer: “O que eu fiz de errado, além de não crer, para que eu seja lançado no inferno?” No entanto, eles não somente deixaram de crer, mas tentaram também ser como Deus; e isso é um grande pecado. Os budistas tentam alcançar o Nirvana através do ascetismo. Mas alguém pode mesmo alcançar o Nirvana? A coisa mais maligna que existe é tentar ser igual a Deus.
O homem deve temer a Deus. Ele deve honrá-Lo, amá-Lo, crer Nele, segui-Lo e reconhecer que somente Ele é o Ser Supremo. E ele tem que entender que somente a Palavra dita por Deus é a única Verdade, que apenas Deus tem a verdadeira divindade, e que o que Ele diz que é mal e realmente mal. É assim que ele tem que crer. Mas por quê? Porque Ele é o Ser Supremo, nosso Criador, eternamente bom, santo e verdadeiro.
Todos nós somos completamente imperfeitos. É por isso que não podemos julgar a Palavra de Deus baseados nos nossos próprios padrões. Julgar a Palavra de Deus baseados em nossos padrões é algo muito imprudente.
Como foi que o pecado entrou no mundo? Nós podemos ver no capítulo três do livro de Gênesis que o pecado entrou em nós por causa de Satanás. O pecado entrou no homem quando o diabo deturpou Sua Palavra e o impediu de discerni-la de modo correto. Em outras palavras, já que o diabo fez o homem crer nas suas palavras e segui-las, ao invés de seguir a Palavra de Deus, o pecado entrou no seu coração. O homem se levantou contra Deus porque Satanás encheu seu coração de orgulho.
Na passagem bíblica deste capítulo, nós podemos entender exatamente como o pecado entrou no homem. Muitos ainda não conseguem crer na Palavra de Deus porque aprenderam doutrinas erradas esse tempo todo. Sendo assim, você pode ver como é importante crer corretamente desde o início. E agora você pode ver como é difícil alguém voltar ao caminho certo depois que é enganado.
O homem acha que é justo só porque pode discernir o bem e o mal segundo seus próprios padrões, mas a Palavra de Deus diz que o homem é uma descendência de malignos (Isaías 1:4). Deus diz que por mais que o homem seja justo, isso não passa de hipocrisia, e declara: “Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só” (Romanos 3:12).
Mas quantos ainda são incapazes de aceitar a Palavra de Deus! Eles só reconhecem que algo tem virtude se alguém fizer uma doação para um orfanato, para um asilo, ou quando se oferece para ajudar a comunidade. Mas isso não é a verdadeira virtude aos olhos de Deus. Já que o homem comeu do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, ele passou a ter seu próprio padrão do que é bom ou mal, e por isso é impossível que ele conheça a Palavra de Deus totalmente. Melhor dizendo, ele se acha melhor do que Deus. Portanto, nós temos que entender que fazer o bem a alguém materialmente é muito válido, mas a verdadeira prioridade é beneficiá-los espiritualmente pregando o evangelho da água e do Espírito.
Nós temos que crer na Palavra de Deus exatamente como ela é. A passagem bíblica deste capítulo está nos dizendo que, ao invés de nos deixarmos levar pelas emoções e adicionarmos ou subtrairmos algo da Palavra de Deus, devemos crer nela como ela é. Crer, por assim dizer, é agradar a Deus. Como diz a bíblia: “Ora, sem fé é impossível agradar a Deus” (Hebreus 11:6). Então, crer na Palavra é o mesmo que agradar a Deus.
Num futuro não muito distante, este mundo testemunhará a vinda do anticristo. Se Deus disse isso, então com certeza vai acontecer. Não tem outro jeito. Deus disse que a tribulação virá a essa geração, então é isso que vai acontecer. Mas se Deus tivesse dito o contrário, não haveria nenhuma tribulação. Tudo que diz a Palavra de Deus certamente se cumprirá; não existe absolutamente nada que acontece de acordo com a vontade do homem. Nós temos que entender que é Deus quem controla a história, não o homem.
Eva tomou do fruto proibido, o comeu e o deu ao seu marido. Por isso, tanto o homem quanto a mulher se tornaram pecadores. E já que foi a mulher que cedeu à tentação do diabo primeiro, Deus aumentou suas dores de parto. Se não fosse assim, o homem poderia muito bem dar luz a filhos. Se Deus quisesse, Ele teria feito assim. Mas foi à mulher que ele deu dores de parto.
Quando olhamos para os eventos históricos, vemos que eles inevitavelmente envolvem a mulher. Mas é claro que isso não significa que o homem não esteja envolvido também. Como dizem: “O homem controla o mundo, mas é a mulher que controla o homem”.
O alvo inicial de Satanás foi a mulher. Isso quer dizer que já que as mulheres são, de certo modo, fracas, foi mais fácil Satanás tentá-las do que ao homem. As maiores tentações de Satanás vêm sobre aqueles que são fracos. Nós não vemos isso ao nosso redor também, como Satanás opera nos fracos? Essa fraqueza aqui não se refere à fraqueza física, e sim à fraqueza na fé, a uma mente que não tem forças para vencer o desejo da carne e o busca mais do que ao Espírito Santo.
Nós temos que entender muito bem a maneira pela qual o diabo opera. Melhor dizendo, ele opera naqueles cuja fé é fraca, enquanto que Deus opera naqueles que crêem na Sua Palavra. Quando nós nos apegamos à Palavra de Deus e confiamos nela, toda sujeira que há no nosso pensamento desaparece. E mesmo que surjam pensamentos impuros, se nós crermos na Palavra de Deus eles sumirão. Nós até que podemos ser sempre tentados, mas se crermos na Palavra de Deus e nos apegarmos a ela, nosso desejo desaparecerá e seremos purificados.
Então, nós não podemos deixar de crer na Palavra de Deus e pregá-la. Nós temos que andar segundo a Palavra. É por isso que quando os servos de Deus pregam, eles nunca consultam os sermões daqueles que não nasceram de novo nem tomam emprestado nenhuma idéia ou pensamento dos filósofos.
Isso não é curioso? Quando ouvimos um sermão baseados no padrão carnal humano, ele pode ser algo tão intelectual que merece todo crédito, mas os servos de Deus sabem que alguém que usa a fé dos outros, e não a sua, não tem valor algum. No que se refere a Deus, é uma piada falar algo baseado na lógica, na filosofia ou no pensamento humano. Todo aquele que fala algo baseado nessas coisas não crê na Palavra de Deus, mas sim no seu próprio conhecimento.
Os pastores deste mundo procuram sempre mostrar uma variedade de conhecimento. Mas o conhecimento humano pode ser comparado à fé? Aqueles que buscam o conhecimento do homem não confiam na Palavra de Deus, e é por isso que eles acabam se tornando servos de Satanás. Por outro lado, aqueles que crêem na Palavra de Deus abrem a bíblia e pregam pela fé. Tudo que eles falam é pela fé na Palavra de Deus, e é por isso que seus pensamentos impuros são purificados, pois sua fé está na Palavra de Deus.
Se sua fé não for pura e sua mente estiver confusa, se apegue à Palavra de Deus. Assim, seus pensamentos impuros e confusos irão desaparecer. Acima de tudo, você tem que crer na Palavra de Deus. Amados irmãos, vocês crêem realmente na Palavra de Deus? Vocês nunca cairão se crerem na Palavra de Deus. Mas, por outro lado, se vocês não crerem nela, vocês serão aprisionados pelo diabo, se tornarão seus servos e serão amaldiçoados.
Embora a passagem bíblica deste capítulo seja pequena, ela nos traz uma lição muito profunda. Por causa deste evento que vimos nessa passagem, o homem e a serpente se tornaram inimigos também. Através da serpente, Deus nos ensina quais são as ciladas do diabo e nos mostra como o padrão humano do bem e do mal é maligno.