Sermões

Assunto 18: GÊNESIS

[Capítulo 13-3] (Gênesis 13:1-18) Ande no Espírito

(Gênesis 13:1-18)
“Subiu, pois, Abrão do Egito para o lado do sul, ele e sua mulher, e tudo o que tinha, e com ele Ló. E era Abrão muito rico em gado, em prata e em ouro. E fez as suas jornadas do sul até Betel, até ao lugar onde a princípio estivera a sua tenda, entre Betel e Ai; Até ao lugar do altar que outrora ali tinha feito; e Abrão invocou ali o nome do SENHOR. E também Ló, que ia com Abrão, tinha rebanhos, gado e tendas. E não tinha capacidade a terra para poderem habitar juntos; porque os seus bens eram muitos; de maneira que não podiam habitar juntos. E houve contenda entre os pastores do gado de Abrão e os pastores do gado de Ló; e os cananeus e os perizeus habitavam então na terra. E disse Abrão a Ló: Ora, não haja contenda entre mim e ti, e entre os meus pastores e os teus pastores, porque somos irmãos. Não está toda a terra diante de ti? Eia, pois, aparta-te de mim; e se escolheres a esquerda, irei para a direita; e se a direita escolheres, eu irei para a esquerda. E levantou Ló os seus olhos, e viu toda a campina do Jordão, que era toda bem regada, antes do SENHOR ter destruído Sodoma e Gomorra, e era como o jardim do SENHOR, como a terra do Egito, quando se entra em Zoar. Então Ló escolheu para si toda a campina do Jordão, e partiu Ló para o oriente, e apartaram-se um do outro. Habitou Abrão na terra de Canaã e Ló habitou nas cidades da campina, e armou as suas tendas até Sodoma. Ora, eram maus os homens de Sodoma, e grandes pecadores contra o SENHOR. E disse o SENHOR a Abrão, depois que Ló se apartou dele: Levanta agora os teus olhos, e olha desde o lugar onde estás, para o lado do norte, e do sul, e do oriente, e do ocidente; Porque toda esta terra que vês, te hei de dar a ti, e à tua descendência, para sempre. E farei a tua descendência como o pó da terra; de maneira que se alguém puder contar o pó da terra, também a tua descendência será contada. Levanta-te, percorre essa terra, no seu comprimento e na sua largura; porque a ti a darei. E Abrão mudou as suas tendas, e foi, e habitou nos carvalhais de Manre, que estão junto a Hebrom; e edificou ali um altar ao SENHOR.”
 
 
Abraão Ficou Rico Graças À Sua Esposa
 
Segundo o texto que lemos acima, Abrão era muito rico em gado, prata e ouro quando saiu do Egito. Sua família tinha muitas posses. Abraão tinha todos estes bens graças à sua esposa, Sara.
Esta é a história de como ele conseguiu toda esta grande riqueza: quando o rei egípcio queria tomar Sara como sua esposa por causa de sua beleza, Abraão temeu por sua própria vida e disse: “Ela não é minha esposa, mas minha irmã. Você pode desposá-la.” Deste modo, ele vendeu sua esposa ao rei egípcio. Então, com a aprovação de Abraão, o rei levou-a até seu palácio para casar-se com ela, mas Deus interviu furioso e enviou uma praga sobre faraó e sua casa. E é bem provável que as pragas que Deus lançou sobre faraó foram terríveis. O rei ficou confuso então e disse a Abraão: “Por que você me enganou? Vá embora e leve junto sua esposa. Quase fomos destruídos por causa desta situação.” Faraó então deixou Abraão partir e lhe deu muitos bens para acalmar a Deus. Diante de uma situação perigosa como esta, Deus guardou Sara e a levou de volta a Abraão. Abraão então teve sua esposa de volta intacta e ainda ganhou muitos bens junto com ela devido à graça de Deus.
Naquele época Abraão e Ló eram pecuaristas. Mas devido ao crescimento repentino de suas posses e do número de suas ovelhas, não havia pastagens suficientes na terra. A Palestina não era apropriada para a criação de gado e rebanho. Enquanto países com vastas planícies como os Estados Unidos e Austrália podem ter várias criações de gado e rebanhos, incluindo ovelhas e bodes que podem pastar em qualquer lugar gramado, a Palestina não pode se dar a este luxo. Ali há muitos desertos e montanhas onde nem um simples tufo de grama pode ser encontrado. Imagine como deve ter sido para Abraão e Ló criar gado nessa terra enorme e sem pasto. Eles não conseguiam procriar e alimentar todo seu rebanho em um só lugar.
 
 
Depois de se Tornar Rico, Surgiram Conflitos Entre Abraão e Ló
 
Houve então um conflito inevitável entre eles. Os pastores do rebanho de Abraão começaram a se desentender com os pastores do rebanho de Ló. Os pastores de Abraão disseram: “Não é nosso direito alimentar primeiro o rebanho do nosso tio antes do rebanho de seu sobrinho?” No que responderam os pastores de Ló: “Por acaso alguma vez falamos sobre a ordem em que a família alimentaria o rebanho?” E Abraão e Ló souberam deste conflito.
Quando Abraão soube deste sério conflito, ele foi ver seu sobrinho Ló. Ele viu que seu sobrinho estava obcecado por todos os seus bens, inclusive seu rebanho. Então Abraão deu uma sugestão a Ló: “Filho, não vamos brigar por causa disso. Você é meu sobrinho e veio junto comigo de tão longe, de nossa cidade natal, então para que brigar? Se você for para a esquerda, eu irei para a direita; se você for para a direita, eu irei para a esquerda.” Então Ló escolheu a terra de Sodoma, pois onde quer que olhasse, ela que era bem regada e próspera. Por que ele escolheu ir para Sodoma? Porque Sodoma era uma terra muito fértil naquela época. A Bíblia diz que antes de o Senhor destruir Sodoma e Gomorra, as planícies do Jordão eram bem regadas em toda sua extensão e como o jardim do Senhor.
Abraão deixou primeiro Ló escolher a terra. Então, sem pensar duas vezes, Ló escolheu ficar com todas as planícies do Jordão quando olhou e viu água pura e pasto verde em toda a terra diante dele. Quando Ló disse: “Eu vou para aquele lado”, Abraão respondeu: “Está bem! Então eu vou ficar com o outro lado.” Ele já tinha se preparado para se separar de seu sobrinho. Foi assim que eles se separaram depois de uma longa jornada juntos vindo de sua cidade natal. Então Ló desceu por Zoar e foi para a terra de Sodoma e Gomorra. Ele se estabeleceu e começou a procriar e a aumentar seu rebanho. Mas Abraão ficou na terra de Canaã, que era do lado oposto a Zoar.
Se continuar lendo o livro de Gênesis, você descobrirá qual foi o fim da esposa de Ló. Quando Deus julgou a terra de Sodoma e Gomorra, Ló e suas duas filhas estavam salvos, mas sua mulher se tornou uma estátua de sal. Foi assim que ele perdeu sua esposa e tudo que possuía. Além disso, sua filhas se deitaram com ele quando ele estava bêbado e tiveram dois filhos, que deram origem aos moabitas e aos amonitas. Estas tribos gentias se tornaram inimigos de Deus e de seu povo.
Depois que seu sobrinho partiu, Deus apareceu a Abraão. O Senhor o abençoou e disse: “Levanta agora os teus olhos, e olha desde o lugar onde estás, para o lado do norte, e do sul, e do oriente, e do ocidente; Porque toda esta terra que vês, te hei de dar a ti, e à tua descendência, para sempre. E farei a tua descendência como o pó da terra; de maneira que se alguém puder contar o pó da terra, também a tua descendência será contada. Levanta-te, percorre essa terra, no seu comprimento e na sua largura; porque a ti a darei” (Gênesis 13:14-17).
Tudo que eu tenho falado até agora está no texto bíblico deste capítulo. Amados irmãos, não se esqueçam disso. Esta não é apenas uma história do passado, mas algo muito importante que Deus quer nos dizer através dela.
 
 
Esse Texto Nos Diz que Devemos Seguir o Espírito e Não a Nossa Carne
 
Quais as conseqüências do que aconteceu entre Abraão e Ló, e o que Deus disse a Abraão? Através desta história, Deus está nos dizendo que devemos ser guiados pelo Espírito, e não pela nossa carne. Como você leu nas Escrituras, Ló buscou seus desejos carnais baseado naquilo que viu. O conflito gerado entre Abraão e Ló também foi causado pela ganância de Ló. Como Ló buscou aquilo que era material ao invés de buscar as coisas do Deus invisível, ele e Abraão acabaram se separando. Depois Deus destruiu Ló, que andou na carne, mas abençoou Abraão, que andou no Espírito. Esse texto nos mostra claramente como os que buscam o Espírito são diferentes dos que buscam os desejos carnais neste mundo.
Abraão era um homem de fé que buscava o Espírito de Deus. Porém, ele não gostava do modo que seu sobrinho vivia, pois ele vivia na carne. Abraão disse a Ló que se ele fosse para a esquerda, ele iria para a direita, e que se ele fosse para a direita, ele iria para a esquerda. Ele disse que faria o oposto do que Ló. “Seu coração está corrompido. Escolha primeiro. Eu escolherei o oposto.” Ele disse ao seu sobrinho que faria totalmente o contrário do que ele fizesse; melhor dizendo, ele buscaria a direção do Espírito e não da carne. Do ponto de vista humano, Abraão perdeu muitas coisas quando seu sobrinho o deixou. Do que ele foi privado? Ele foi privado das terras férteis de Zoar e das planícies do Jordão.
Todos vocês conhecem o rio Jordão? As margens deste rio têm milhares de pastos verdejantes. Este era um lugar perfeito para procriar e alimentar um rebanho. Por outro lado, a terra de Canaã não tinha rio e era um deserto estéril. Como Abraão tinha escolhido a terra de Canaã, parecia que ele iria à falência.
Mas logo após seu sobrinho ir para estas terras férteis, Deus apareceu a Abraão. E ele lhe prometeu: “Levanta agora os teus olhos, e olha desde o lugar onde estás, para o lado do norte, e do sul, e do oriente, e do ocidente; Porque toda esta terra que vês, te hei de dar a ti, e à tua descendência, para sempre” (Gênesis 13:14-15). Ele prometeu abençoar a ele e a toda sua descendência para sempre.
 
 
Nós Seremos Destruídos Se Depois de Nascermos de Novo Quisermos Satisfazer Nossa Carne
 
O propósito desta história é mostrar que quando buscamos o Espírito pela fé e pregamos o evangelho junto com a Igreja de Deus, ele não somente nos dará essa terra por herança, mas também salvará nossos descendentes e outros através de nós. Está escrito na Bíblia:
“Fui moço, e agora sou velho;
Mas nunca vi desamparado o justo,
Nem a sua semente a mendigar o pão” (Salmos 37:25).
Deus jamais falha em dar essa terra por herança e também em conceder as bênçãos celestiais para salvar outras almas àqueles que buscam o Espírito. Os justos e seus descendentes que buscam a Deus jamais têm que mendigar por comida. Melhor dizendo, não há mendigo entre os justos, pois Deus lhes dá esta terra por herança. E Deus não dá apenas as bênçãos espirituais, mas também propriedades nessa terra. Por isso que a Bíblia declara: “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios” (Salmos 1:1) e “Os justos herdarão a terra e habitarão nela para sempre” (Salmos 37:29). “Herdar a terra” é uma frase muito comum na Bíblia.
Queridos irmãos, o que Deus está nos dizendo através deste relato sobre Abraão e Ló? Ele está nos dizendo que cuidará daqueles que buscam a ele e ao seu Espírito, e que também dará essa terra por herança a eles. A promessa garantida àqueles que creem nele é a herança dos céus e da terra. Mas o que acontecerá aos que não buscam o Espírito, mas a carne? No final, aqueles que buscam a carne mesmo depois de terem nascido de novo serão privados de tudo. Seus descendentes não serão salvos, e ninguém será salvo através deles. Vocês compreendem o que estou dizendo? Os que buscam a carne juntamente com seus descendentes jamais serão salvos. Eu creio que é exatamente isso que Deus está nos dizendo. Ele nos mostra através disso como cada grupo é recompensado por suas ações, nos dizendo que devemos buscar o Espírito e proclamar que somos seus seguidores.
 
  
O que Perturba Nosso Coração Depois que Recebemos a Salvação?
 
Amados irmãos, por que as pessoas enfrentam conflitos interiores depois de receber a salvação? O que traz esta perturbação ao nosso coração? Por que ainda ficamos agitados e chateados enquanto seguimos a Deus? A resposta é que há dois desejos dentro de nós; um deles é buscar o Espírito, e o outro é buscar a carne, e estes dois desejos começam a entrar em conflito em nosso coração. Já que tudo que vemos é carnal, as pessoas geralmente gostam de buscar a carne. Por exemplo, quando Ló viu as exuberantes planícies férteis do Jordão na terra de Zoar, ele não hesitou em escolher essa terra e pensou: “Essa terra de fato é imensa. Qual o problema em deixar meu tio? Sem dúvida que eu vou escolher a terra de Zoar, perto de Sodoma e Gomorra.”
Mas Abraão, que buscava o Espírito, não podia mais habitar com Ló. Embora ele precisasse de boas pastagens para suas ovelhas e bodes, tudo que lhe restava era ir rumo a um deserto estéril, pois já havia prometido que iria para a direita se Ló escolhesse a esquerda, e que iria para a esquerda se ele escolhesse a direita. Era óbvio que Abraão iria à falência neste deserto estéril, mas como buscava o Espírito, ele não podia mais viver com Ló.
Amados irmãos, as coisas materiais que podemos ver parecem muito confiáveis. Conseguimos imaginar mentalmente como ganhar muitas coisas materiais. Conseguimos até nos ver assinando cheques. E isso parece tão promissor que até mesmo cristãos nascidos de novo como nós sentimos vontade de buscar as coisas carnais. Mas o certo é que devemos renunciar os sentimentos carnais e confiar nas promessas de Deus. Se buscarmos o Espírito e nosso negócio começar a dar errado ao longo da nossa caminhada, precisamos crer que Deus nos dará por herança as bênçãos de sua terra e fará através de nós a obra de salvar almas. Melhor dizendo, devemos crer que Deus não só nos abençoará espiritualmente, mas também dará sua terra por herança a nós e aos nossos descendentes. Deus cuida de nós fielmente e nos dá todas estas coisas. Quando buscamos as coisas do Espírito, precisamos descobrir o segredo das bênçãos de Deus, que nos dá porções da terra e da verdadeira riqueza deste mundo junto com abundantes bênçãos espirituais. Deus não abandona os que vivem para o evangelho e trabalham junto com sua Igreja. Esta é a promessa definitiva de Deus.
Não devemos considerar o que aconteceu a Abraão e Ló como um evento histórico qualquer. Abraão se tornou um homem muito rico por buscar a Deus e o Espírito Santo, e seus descendentes também passaram a ocupar essa imensa terra. Todos os que atualmente moram na terra de Canaã também são descendentes de Abraão. Assim como Deus prometeu a Abraão: “Porque toda esta terra que vês, te hei de dar a ti, e à tua descendência, para sempre” (Gênesis 13:15), todos os seus descendentes ocuparam a terra de Israel. Como você bem sabe, os israelitas reclamam para si o país que perderam cerca de 1900 anos atrás. A promessa de Deus foi essa: “Levanta-te, percorre essa terra, no seu comprimento e na sua largura; porque a ti a darei” (Gênesis 13:17), e ela foi cumprida naquele tempo. Devemos conhecer a resposta definitiva para esta pergunta: “Devemos buscar o Espírito ou a carne?”, pois o certo é fazer um dos dois. A Bíblia nos diz que Abraão, que buscava o Espírito, se tornou mais próspero que Ló, que buscava a carne. Abraão representa todos aqueles que buscam o Espírito e a Palavra de Deus, mesmo que estas coisas sejam invisíveis.
 
 
Devemos Buscar o Espírito ao Invés de Vivermos de Forma Carnal
 
Até os nascidos de novo têm dois tipos de pensamento: um é como Ló, e outro como Abraão. Estes dois pensamentos lutam entre si em nosso coração. Assim como Abraão e Ló brigavam entre si, estes dois pensamentos lutam entre si em nosso coração.
“Como viveremos? O que comeremos? O que vestiremos? Se eu for para a Igreja não poderei fazer isso ou aquilo. Sem falar nas perdas materiais, eu também vou perder tempo com isso. Como já recebi a minha salvação, eu não vou mais à Igreja, mas vou procurar ganhar muito dinheiro para garantir o meu futuro.” Estes tipos de pensamentos carnais surgem em nosso coração. Mas é nestas horas que precisamos atentar para o que Deus disse sobre isso. Deus disse claramente que nos daria essa terra por herança e salvaria os descendentes daqueles que o buscassem. Precisamos nos lembrar desta Palavra de Deus e ficar firmes nela. Quando estes desejos carnais surgirem, precisamos renunciá-los e buscar a direção do Espírito.
Amados irmãos, embora vivamos em um corpo carnal, precisamos buscar o Espírito e as coisas que agradam a Deus. Melhor dizendo, precisamos buscar fazer a obra que nos une com a Igreja e com o seu evangelho. Quando investimos nosso tempo e dinheiro para pregar o evangelho, Deus nos abençoa e nos ajuda com todo o resto. O Deus Todo-Poderoso nos garante esta vida abençoada e nos protege. Vocês creem nisto? Isso não é algo que conseguimos com nosso próprio esforço. Somente Deus pode fazer isto.
Esta manhã eu recebi um telefonema do irmão Ongi Ahn. Ele me disse que o irmão Guangsuk Shin, que não estava vindo à igreja há um certo tempo, decidiu voltar. O irmão Ongi Ahn disse: “O evangelista Park se apressou em vê-lo. Vá depressa e traga-o de volta à igreja. Agora ele voltou à razão.” O irmão Shin é um homem de negócios como o irmão Ahn. Mas ele costumava ficar gripado e reclamar o tempo todo. Sua casa é cheia de garrafas de licor. Algumas destas garrafas eram postas em sacolas plásticas pretas e colocadas no canto de seu quarto. Quando o visitava, eu fingia não ver as bebidas. Beber sozinho de vez em quando não é problema, contanto que você venha para a igreja. Porém, sua desculpa para não vir à igreja era que ele deixava de ganhar dinheiro quando vinha a todos os cultos e as reuniões. Ele disse que tinha perdido muito dinheiro por vir à igreja. Também disse que mal conseguia sobreviver e que não conseguiria organizar sua vida se viesse sempre à Igreja.
Queridos irmãos, eu posso garantir a vocês que se ele andasse no Espírito junto com a Igreja, Deus certamente o teria ajudado. E esta não é a minha opinião pessoal. Eu posso dizer isso a vocês com fé na Palavra de Deus. Precisamos primeiro nos unir a Deus. Está escrito: “Buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça.” Como salvos, antes de qualquer outra coisa, precisamos fazer o nosso trabalho e buscar a ajuda de Deus nas nossas fraquezas. Assim ele nos ajudará até nas pequenas coisas. Ele nos guardará em todo o tempo.
Eu lamentei quando ele disse que não poderia mais vir à igreja porque não conseguia ganhar dinheiro. Mas tudo teria sido tão fácil se ele continuasse na Igreja de Deus; mas ele acha que eu digo isso como pastor para fazê-lo vir à minha Igreja. Ele não aceita meu conselho e acha que eu quero é manipulá-lo como pastor. Mas eu juro por Deus que não foi isso. Eu não traria ninguém para a Igreja de Deus se isso resultasse na sua ruína. Se eu levasse alguém a Cristo e isso resultasse em sua destruição, quem assumiria este risco? Por que um pastor faria uma coisa destas? Se fosse o líder de uma Igreja, você faria isso com seus membros? Se soubesse que a pessoa que você levaria a Cristo fosse perecer, você faria isso mesmo assim? Com certeza nós não somos servos de Satanás. Nós as levamos a Deus porque ele prometeu que prosperaria os que buscassem o Espírito.
 
 
As Pessoas Vivem pelas Bênçãos de Deus
 
Nós não vivemos só de pão, mas de toda palavra que sai da boca de Deus. Não vivemos só de dinheiro, mas também das bênçãos de Deus. Vocês entendem isso? Do ponto de vista do mundo, já que Abraão não ficou com uma terra fértil como a de Ló, parecia que ele iria ficar arruinado. Se Deus não o abençoasse, todo o seu gado e rebanho teria morrido e Abraão também teria perecido.
Mas a Bíblia, ao contrário, nos diz que Ló ficou arruinado, enquanto que Abraão se tornou um homem de grande riqueza. E não somente ele, mas seu filho Isaque também foi um homem muito rico. Ele tinha várias ovelhas e 318 servos (Gênesis 14:14). Se você fizer as contas, Abraão não era apenas um homem rico. Quanto vale uma ovelha? Quanto custa um bode? Hoje em dia deve custar duzentos reais ou mais. Então, se ele tinha mil bodes, isso valeria cem mil reais, sem contar o outro rebanho. Quem criava rebanho naquela época estava longe de ser pobre. Se calcularmos quanto vale um rebanho de milhares de ovelhas, veremos que seus donos eram muito ricos.
Amados irmãos, nós fomos salvos e por isso devemos buscar a Deus enquanto estivermos aqui. Para nós que fomos salvos, sabermos como podemos receber as bênçãos de Deus é a coisa mais importante. E a resposta para isso é andar no Espírito. Nós precisamos buscar o Espírito. Se não buscarmos o Espírito ao invés da carne, não seremos diferentes de Ló. No princípio, os que buscam a carne podem parecer bem sucedidos. Mas no fim acabam perdendo tudo.
Quem é o nosso pastor? Jesus Cristo. Ovelhas precisam ser guiadas e protegidas por seu pastor. Nós podemos aprender como buscar o Espírito, trabalhar com a Igreja de Deus e orar a ele vindo regularmente à Igreja. Até os salvos não conseguem manter esta verdadeira vida de fé se não veem à Igreja de Deus, mas, ao invés disso, procuram ter comunhão com as pessoas deste mundo. Eles acabarão esquecendo o fundamento da verdadeira fé. As pessoas aprendem mais sobre fé quando vêm à Igreja de Deus.
Então o que devemos buscar? Mesmo que Deus não seja concreto ou visível, todavia devemos buscar o Espírito. Eu quero dizer a vocês novamente que devemos buscar o Espírito e não a carne. Se você e eu queremos ser prósperos, precisamos andar no Espírito. Também precisamos descobrir o que agrada o Senhor, o que ele quer de nós, como sua vontade é revelada e o que ele quer que sua Igreja faça. Quando compreendemos todas estas coisas e servimos a Deus junto com sua Igreja, ele nos auxilia em tudo e derrama suas bênçãos sobre nós.
A Bíblia não é apenas um livro de história. Os escritores da Bíblia não incluíram esta história porque não tinham nada mais para falar. Deus disse tudo isso através destes escritores para que pudéssemos entender claramente a resposta para estas perguntas: “Em que direção devemos seguir depois que recebermos a salvação? O que devemos fazer para sermos bem sucedidos?” A fé por si só se mantém sozinha depois que somos salvos? Não, ela não se mantém sozinha. Se continuarmos buscando os desejos carnais, nossa fé se tornará cada vez mais fraca e perdemos de vista à vontade de Deus. Olhemos para nós mesmos! Vocês não sabiam nada enquanto estavam fora desta igreja, não é mesmo? Mas quando começamos a estar mais na Igreja, passamos a conhecer a Deus, crer nele e crescer como pessoas de fé que buscam seu Espírito de todo o coração. Já que vimos à Igreja de Deus, passamos a aprender mais sobre fé, o Espírito e a carne. Quando vimos regularmente à Igreja, descobrimos a vontade de Deus e passamos a entender que devemos buscar o Espírito. Podemos ter a proteção e a mão ajudadora de Deus enquanto vivemos nessa terra se buscarmos o Espírito, e também todas as bênçãos de Deus. Então começamos a compreender do que realmente se trata a fé. Nós podemos aconselhar os cristãos jovens: “Façam isso. Levem uma vida de fé assim. Unam-se à igreja. Andem no Espírito.” Mas só conseguimos fazer isso quando nos unimos à Igreja pela fé.
 
 
Deus Abençoa os que Estão Unidos à Sua Igreja
 
Como eu disse no início deste sermão, Abraão ficou rico graças à sua esposa. Isso também nos mostra claramente que aqueles que se unem à Igreja são abençoados. Assim como Abraão ficou rico por causa de Sara, sua esposa, do mesmo modo podemos ser abençoados se nos unirmos à Igreja. Isso sem falar nas bênçãos espirituais e espirituais que também ganhamos.
É claro que a princípio há várias coisas que você tem que abrir mão quando inicia uma vida de fé. Na verdade, perdemos nossos amigos, familiares e mais ainda conforme vivemos pela fé unidos à igreja. Tudo acaba seguindo este curso no início. No entanto, quando aprendemos a levar uma verdadeira vida de fé unidos à igreja, ganhamos muito mais do que perdemos. E daí por diante levamos uma vida abundante que sempre prosperará. Melhor dizendo, nós teremos mais ganhos do que perdas.
Então precisamos andar no Espírito e viver pela fé. Vocês que estão trabalhando na igreja devem se considerar pessoas muito abençoadas. Não importa em que situação você esteja, a igreja sempre ora por você. Orar unido à igreja tem um poder incrível.
Infelizmente, muitas pessoas estão afastadas do Senhor e não se unem à igreja. Nós oramos por estas pessoas? Apesar de achar que devemos, na verdade não é tão fácil orar por elas. É por este motivo que elas estão sempre afastadas de nós. Assim que alguém se afasta da Igreja, ele é excluído e isso significa que ele também está excluído das bênçãos de Deus. mas não fazemos isso de propósito, e sim porque faz parte do plano de Deus excluí-lo. Por que Deus não abençoa os que não trabalham para ele? Mesmo que Deus os abençoe, eles não terão a mínima ideia de onde vieram as bênçãos.
Amados irmãos, eu falo isso sempre, se unir à Igreja de Deus depois de receber a remissão de pecados é uma verdadeira bênção de Deus. E, sem dúvida alguma, isso não permitirá que desejos carnais surjam em nosso coração. Mas uma coisa nós, que somos frágeis, devemos sempre lembrar é que precisamos estar unidos à igreja, andar no Espírito e obedecer à Palavra de Deus se quisermos mesmo prosperar. E se mesmo depois de fazermos tudo isso ainda estiver com alguma dificuldade, devemos levar isso para Deus. Quando nós oramos, descobrimos se Deus vai ou não nos ajudar. Cabe a Deus decidir nos ajudar ou não. Nosso trabalho é fazer o melhor naquilo que ele nos pediu. Por isso que a Bíblia diz: “Buscai primeiro o reino de Deus e sua justiça.” Isso significa que primeiro devemos fazer o que a Igreja quer que façamos. Melhor dizendo, devemos investir nosso tempo, nosso coração e dinheiro primeiro na pregação do evangelho. Somente assim Deus acrescentará tudo a nós. Esta é a promessa do Deus Todo-Poderoso. Portanto, se quisermos ser abençoados, devemos andar no Espírito e obedecer à Palavra de Deus em sua Igreja.
Há muitas coisas diferentes dos assuntos humanos no Reino de Deus. Os que receberam a remissão dos seus pecados e vêm a cada reunião da Igreja terão uma vida próspera nessa terra. Mas há aqueles que olham tudo sob uma perspectiva humana e reclamam: “Oh, Deus, eu não consigo viver assim. Eu sou mais esperto do que as pessoas desta igreja, então eu não vou mais a estas reuniões. Eu só quero ouvir a pregação no domingo à noite.”
Eles são realmente mais espertos dos que os santos fiéis que vêm em toda reunião da Igreja de Deus? Não, não são. Uma alma doente adoece o corpo. Se você tem apenas algumas poucas horas para si mesmo quando não vem à Igreja de Deus, que diferença isso faz? Quando você tem horas livres, você as usa para fazer coisas boas? O que você faz é apenas gastar dinheiro nestas horas livres. Na pior das hipóteses, alguns pensam: “O que há de bom em ir à igreja? Eu vou ler a Bíblia, tentar compreendê-la sozinho, e também levar uma vida de fé por mim mesmo.” É claro que eles pensam que não estão desperdiçando ou perdendo nada, pois estão usando seu tempo e dinheiro para si mesmos e não para o Senhor.
Mas não se esqueça de uma coisa: Deus nunca dá bênçãos gloriosas a pessoas assim. Os que andam no Espírito também têm prosperidade, saúde e riqueza. Se você quiser realizar os desejos da sua carne, sem se importar com o Espírito, você com certeza será destruído fisicamente. Há uma fórmula que Deus criou. Esta é uma fórmula bíblica e divina. Já que você e eu estamos buscando a direção do Espírito, eu não tenho que entrar em detalhes. No entanto, precisamos lembrar que Deus supre nossas necessidades físicas e espirituais quando andamos no Espírito. Vocês estão entendendo? Vocês creem nisto?
Eu louvo ao Senhor. Eu o louvo e agradeço por ele nos permitir levar uma vida espiritual e nos dar lições espirituais também.