សេចក្តីអធិប្បាយ

Assunto 24: Sermões para Aqueles que são Nossos Colaboradores

[24-56] Deus abençoou aqueles que humanamente não mereciam ser amados (Gênesis 29:31-35)

(Gênesis 29:31-35)
“Vendo, pois, o Senhor que Lia era desprezada, abriu a sua madre; porém Raquel era estéril. E concebeu Lia, e deu à luz um filho, e chamou-o Rúben; pois disse: Porque o Senhor atendeu à minha aflição, por isso agora me amará o meu marido. E concebeu outra vez, e deu à luz um filho, dizendo: Porquanto o Senhor ouviu que eu era desprezada, e deu-me também este. E chamou-o Simeão. E concebeu outra vez, e deu à luz um filho, dizendo: Agora esta vez se unirá meu marido a mim, porque três filhos lhe tenho dado. Por isso chamou-o Levi. E concebeu outra vez e deu à luz um filho, dizendo: Esta vez louvarei ao Senhor. Por isso chamou-o Judá; e cessou de dar à luz.”
 
 
Lia foi desprezada
 
Hoje à noite eu quero falar sobre a vida de um discípulo de Deus. Acabamos de ler Gênesis 29:31-35. E é isso o que o texto diz: “Vendo, pois, o Senhor que Lia era desprezada, abriu a sua madre; porém Raquel era estéril”. Deus fez com que Lia desse quatro filhos a Jacó. O primeiro ela chamou de Rúben, o segundo, Simeão, o terceiro, Levi, e o quarto, Judá. E está escrito que seu marido a honrou e amou depois que ela lhe deu quatro filhos. O que isso quer dizer? Que Deus viu que Lia era rejeitada e abriu sua madre para que ela fosse amada por seu marido.
O fato de que “Lia era desprezada” significa que ela não era amada. Por não ser muito bonita, seu marido não a amava. Por outro lado, como era Raquel, a segunda esposa de Jacó? Ela era bonita e por isso Jacó a amava. Como você sabe, Lia e Raquel eram irmãs e ambas, esposas de Jacó. Lia não era bonita, fisicamente falando. Mas quando Deus viu que ela não era amada, abriu sua madre e tornou Raquel estéril.
Isso mesmo. Raquel era amada por seu marido por causa da sua beleza, ao contrário de Lia. Mas Deus abriu a madre de Lia e fez com que ela gerasse Rúben, Simeão, Levi e Judá. O nome do seu primeiro filho é Rúben e significa “eis um varão” em hebraico. Seu nome mostra como Lia ficou feliz por gerar um varão. Quando deu à luz ao seu segundo filho, ela disse: “Porque o Senhor atendeu à minha aflição”, e o chamou de Simeão, que significa “ele foi ouvido”. Quando teve o terceiro filho, ela disse: “Agora esta vez se unirá meu marido a mim, porque três filhos lhe tenho dado”, e o chamou de Levi, que significa “união”. Quando teve o quarto filho, ele louvou a Deus e o chamou de Judá, que significa “louvado ou exaltado”. Como podemos ver aqui, o nome de todos os seus filhos era especial.
Eu creio que Deus nos ensina uma lição valiosa através da história de Lia e Raquel. Aprendemos que quanto menos atraentes formos fisicamente, mais bênçãos espirituais recebemos de Deus. E quanto mais amados e admirados formos neste mundo, menos bênçãos espirituais receberemos de Deus. E se quisermos seguir o Senhor, esta lição é essencial para nosso discipulado. Ela nos ensina que devemos ser legítimos discípulos e o que é o verdadeiro discipulado em todos os seus aspectos.
 
 
Todos que quiserem ser discípulos de Jesus devem deixar seus atrativos humanos
 
O tema do meu sermão desta manhã foi “Não poderemos seguir o Senhor se não abrirmos mão de nossos bens”. Nosso Senhor disse: “Se quiserem me seguir, vocês devem deixar para trás seus antigos relacionamentos, abrir mão de seus bens, tomar sua cruz e me seguir. Só assim vocês poderão me seguir.” E o que isso significa? Que devemos abrir mão da beleza humana para sermos verdadeiros discípulos de Jesus Cristo. Eu não estou dizendo que você deve deixar tudo que conquistou até hoje, apenas rejeitar o desejo de ser reconhecido pelas pessoas e pôr sua esperança somente em Deus. E o Senhor disse que são justamente estes que dão muitos frutos espirituais. Também disse que quem deseja ter paz, conforto e adorá-lo é que se tornam seus valiosos discípulos. Este é um dos pontos principais do texto bíblico deste capítulo.
Jesus Cristo disse certa vez: “Ai de vós quando todos os homens de vós disserem bem, porque assim faziam seus pais aos falsos profetas” (Lucas 6:26). Não devemos desejar ser honrados pelos outros. Veja Lia nas Escrituras. A Bíblia diz que Deus abriu sua madre ao ver que ela não era amada. Ela era uma esposa desprezada porque não tinha atrativos ou beleza física. Mas apesar disso, Lia confiou no Deus em que seu marido confiava e lhe deu muitos filhos. E sua irmã Raquel? Ela era amada, mas não podia gerar filhos.
 
 
A desprezada Lia gerou muitos filhos
 
Lia não era amada mas gerou filhos saudáveis. O nome do seu primeiro filho era Rúben, que significa “eis um filho”. A mãe do pastor Jaedong Park teve seis filhas antes de tê-lo. Me contaram que ela disse: “Vejam, é mesmo um menino!” E assim como a mãe do pastor Jaedong Park disse: “Vejam, é um menino mesmo!” depois que deu à luz a ele, Lia também disse: “Eis um menino!” Como Jacó deve ter ficado feliz por ter um filho, ainda mais que seu primogênito foi um menino!
O povo de Israel prefere meninos a meninas, mas é errado achar que é melhor ter filhos do que filhas. Porém, a verdade é esta. Bom, ter como primogênito um menino na época em que vivia foi algo que deixou Jacó muito feliz. E o que isso quer dizer? Que os que abrem mão de ser honrados pelas pessoas, e põem sua esperança em Deus dão muitos frutos espirituais como Lia. Podemos nos orgulhar perante aqueles que são espiritualmente estéreis como Raquel e dizer: “Vocês por acaso já geraram filhos?
Qual é o aspecto mais complicado e desafiador quando seguimos a justiça de Deus? É o desejo de sermos reconhecidos e honrados pelas pessoas. Deus disse que devemos rejeitar este desejo. É isso mesmo. Se a esperança dos nascidos de novo está no mundo e não em Deus, não geraremos nenhum filho espiritual nem seremos amados por ele. Os que são amados e honrados pelas pessoas não geram filhos espirituais. Há um ditado em nosso país que diz: “Mulheres bonitas não têm muita sorte”. É algo como dizemos aqui: “Sorte no jogo, azar no amor”. Então é uma maldição ser bonito? O que estou dizendo aqui é que os que não buscam ser atraentes e reconhecidos pelas pessoas e cujo coração está em Deus darão muitos frutos espirituais, e assim terão uma vida abundante como verdadeiros discípulos do Senhor.
As pessoas achavam Raquel bonita e atraente. Só que ela não gerou nenhum filho, enquanto Lia gerou quatro. E só há uma razão para explicar por que Lia era tão fértil. A Bíblia diz que foi porque ela não era amada por não ter beleza física.
 
 

Os discípulos do Senhor não devem esperar ser amados pelas pessoas

 
Apesar de termos recebido a remissão de pecados e nascido de novo, que desejo ainda há em nosso coração? Não queremos parecer bem diante das pessoas e ser reconhecidos por elas? A maioria tem o desejo que isso aconteça. Vivemos um tempo de individualismo e egoísmo, onde as pessoas fazem de tudo para ser atraentes. Até os que receberam a remissão de pecados e nasceram de novo desejam ser bem vistos pelas pessoas. Em outras palavras, eles querem ser reconhecidos e amados por elas. A maioria das pessoas hoje é discípulo de alguma celebridade. As roupas que os artistas usam vendem como água; se eles usam calça rasgada, todos começam a usar também. As pessoas fazem isso para ficar na moda e ser amadas pelos outros.
Não se esqueça de uma coisa, se quiser mesmo ser um discípulo do Senhor, você deve deixar de buscar a excelência humana. Existe algo em nós com que possamos nos exaltar de verdade? Para ser sincero, não há nada em nós para que nos exaltemos. Mas não é fácil para nós admitir isso porque somos seres imperfeitos. Não há nada de especial em nós com que nos exaltarmos, mas a verdade é que gostaríamos que houvesse. Como desejamos ser bonitos e ser amados pelas pessoas! E este desejo nos leva até a pensar se nascemos com algum problema genético.
Não é isso que vemos no texto bíblico deste capítulo também? Já que Lia não tinha muitos atrativos físicos, ela temeu a Deus e se aproximou mais dele. Por não ser amada pelas pessoas, era mais fácil para ela ser uma mulher de fé, buscar a Deus e adorá-lo, a fim de ser amada por ele. Deus nos mostra isso em sua Palavra. E ele nos mostra nesta história o que precisamos fazer para sermos discípulos de Jesus Cristo. Os que são reconhecidos e honrados pelos outros não são amados por Jesus Cristo, mas os que não são amados pelas pessoas e põem sua esperança em Deus recebem o seu favor. É isso mesmo. Se quiser ser um amado discípulo de Jesus Cristo, você tem que deixar este desejo de ser amado pelas pessoas deste mundo. Só podemos gerar filhos espirituais quando esperarmos no Senhor e fizermos a obra espiritual. Temos que ser reconhecidos por Deus em nossa vida para sermos discípulos de Jesus Cristo. Você e eu temos que ser um só com o Senhor e amá-lo. Temos que ser pessoas de fé que adoram a Deus de todo o coração, que são muito honradas e abençoadas por ele, não pelas pessoas.
 
 
Jesus também não era honrado pelas pessoas
 
Temos que deixar nossa própria justiça para sermos discípulos de Jesus Cristo. E o primeiro passo para isso é o discipulado. Veja o exemplo do Senhor. Ele não tinha boa aparência para que o desejássemos. A aparência de Jesus é descrita assim em Isaías 53:
“Porque foi subindo como renovo perante ele,
E como raiz de uma terra seca;
Não tinha beleza nem formosura e,
Olhando nós para ele,
Não havia boa aparência nele, para que o desejássemos” (Isaías 53:2).
Jesus não teria sido batizado e crucificado por nós se nascesse com beleza física e fosse admirado por todos. Se fosse assim, haveria uma grande probabilidade de ele ser resgatado antes de ser crucificado. A multidão que o admirava protestaria com veemência contra sua crucificação e diria: “Não podemos deixar que ele morra.” Mas Jesus não veio a este mundo com boa aparência. Por isso que poucos o seguiam. Ele era admirado por poucos que reconheciam que ele era o Filho de Deus e o Salvador do mundo, mas odiado e desprezado pelos outros. Assim era Jesus. Por isso que muitos incrédulos acharam justa sua execução quando ele foi crucificado. A Bíblia também diz em Isaías 53:8
“Da opressão e do juízo foi tirado;
E quem contará o tempo da sua vida?
Porquanto foi cortado da terra dos viventes;
Pela transgressão do meu povo ele foi atingido”.
É isso mesmo. Não devemos dar importância ao que as pessoas reputam por beleza física. Eu não estou dizendo que devemos desprezar a beleza dos objetivos que temos, e sim que devemos seguir o Senhor e rejeitar tudo que nos faz soberbos – por exemplo, nossa própria justiça, amabilidade ou beleza física. Melhor dizendo, devemos rejeitar tudo que nos traz dependência e confiar somente em Deus.
 
 

Qual é o maior desafio para seguirmos a justiça do Senhor?

 
Nós seres humanos temos dentro de nós algo que chamamos de justiça e amor próprio; e tudo isso são barreiras que nos impedem de seguir o Senhor. E como não há nada em nós que nos leve a ser amados, queremos ser amados pelas pessoas. Muitos se satisfazem com o amor humano, e por isso não seguem o Senhor. Vocês amam o Senhor, amados irmãos? Vocês desejam obedecê-lo? Por mais que digam que sim, em certas ocasiões vocês não conseguirão segui-lo. E isso vai acontecer quando se esforçarem para obedecê-lo e segui-lo da forma correta. Quando isso acontecer, vocês terão que lutar muito para rejeitar seu amor próprio. Não se esqueçam então que vocês não poderão seguir o Senhor se não rejeitarem aquilo que lhes faz se sentir bem, mas não vem dele.
Se quisermos ser mesmo discípulos de Jesus, temos que rejeitar todos estes desejos até que somente ele habite em nosso coração. E já que sabemos disso, esta é a hora de pormos em prática. Portanto, se você quer seguir o Senhor de todo o coração, rejeite toda beleza humana. Se você ainda tem algo do que se exaltar que não seja o Senhor, rejeite isso também.
Temos que examinar a nós mesmos perante Deus. Nosso Senhor é o Deus Todo-Poderoso, o Criador. Ele nos deu a vida e veio a esta terra para nos salvar de todos os nossos pecados. Para nós, Jesus é o Deus que vive eternamente. Ele foi batizado para levar os pecados do mundo, levou todos eles à cruz, nela morreu, ressuscitou dos mortos, e hoje está assentado à destra do Pai. É isso mesmo. Jesus nos salvou de todos os nossos pecados com o evangelho da água e do Espírito. E este grande e Todo-Poderoso Deus nos diz hoje: “Não terás outros deuses diante de mim” (Êxodo 20:3).
Pense nisso. Já que seguimos a justiça de Deus, não há nada mais valioso para nós do que ser amados por ele, não é verdade? Quando comparamos o amor deste mundo com o amor do Senhor por nós, qual é mais valioso? Que amor toca mais nosso coração e nos realiza? Qual deles prende nosso coração e traz bênçãos sobre nós? Temos que levar em consideração tudo isso e meditar bastante também.
Já que o Senhor nos salvou de todos os nossos pecados de uma vez por todas com o evangelho da água e do Espírito e do sangue, somos salvos por completo quando cremos neste evangelho. E já que fomos salvos pela justiça do Senhor, nada mais justo que temermos e seguirmos somente a ele. Já que somos o povo de Deus que nasceu de novo, nós tememos a ele, o amamos e adoramos. Também cremos que sua Palavra é a verdade, e com uma fé pura o seguimos, adoramos, buscamos, oramos a ele e somos gratos por gerar muitos filhos espirituais.
No entanto, não podemos esquecer de uma coisa: já que estamos seguindo o Senhor, temos que ver se o amor da salvação é de fato algo precioso para nós. Amados irmãos, o que precisamos fazer para sermos verdadeiros discípulos de Jesus? Temos que temê-lo e honrá-lo, procurando sempre exaltá-lo diante de todos. As pessoas deste mundo podem até ignorá-los, dizendo: “Vocês até parecem pessoas normais, mas agem como se fossem alienígenas. Sua mente é fechada para as coisas deste mundo e vocês só querem saber de Jesus. Vocês não são como nós. Parecem até normais, mas não entendo por que seu medo de agir é tão ignorante e irracional. Nós até que queremos amá-los, mas vocês não querem nosso amor. Vocês são estranhos. Se vocês não aceitassem e quisessem se relacionar conosco, nós os aceitaríamos no nosso grupo de amigos. Mas parece que vocês não dão importância a isso. Deve haver algo de errado com vocês. Devem estar possuídos por um demônio chamado Jesus. Eles saem todo dia com a Bíblia debaixo do braço em nome deste Jesus e vão à igreja mais de dez vezes por semana. Vocês não se interessam pelos assuntos da nossa comunidade. Vocês se acham muito bons para contarmos com sua ajuda. Por isso, não queremos mais saber de vocês.” Como vemos aqui, não devemos mesmo ser reconhecidos pelas pessoas deste mundo.
 
 

Os que temem a Deus dão frutos espirituais

 
O texto bíblico deste capítulo diz que por Lia não ser amada, Deus fez com que ela gerasse filhos e fosse honrada por seu marido, por seu povo e por ele. Isso a deixou muito orgulhosa, levando-a adorar a Deus para o resto da vida. Quem deu à luz a Judá? Lia. Judá é o fundador da tribo real de Israel. Foi desta tribo que nasceram muitos reis em Israel. Todos os catorze reis que vieram depois de Davi até o cativeiro na Babilônia eram de Judá (Mateus 1:17). Até Levi, ancestral de todos os sacerdotes, era da mesma linhagem de sangue. É isso mesmo. Filhos espirituais de Deus só podem ser gerados por aqueles que creem no seu amor e na sua salvação, que o temem e são gratos a ele. E estes filhos espirituais se multiplicam 30, 100, 1000, 10.000 e até bilhões de vezes.
Mas e os cristãos que são honrados neste mundo? Eles não geram nenhum filho espiritual. Você quer gerar filhos espirituais e fazer parte do povo da fé? Ame o Senhor então, siga-o, tenha seu coração diante dele e o busque com convicção. Veja se seu coração está no que é certo. Assim vocês será um verdadeiro discípulo do Senhor.
Veja o que diz o texto bíblico deste capítulo. Lia deu à luz a quatro filhos, mas Raquel não gerou nenhum. É claro que depois Raquel acabou gerando filhos também, mas Lia é que pode ser reconhecida como discípula de Jesus Cristo. Quem somos nós perante Deus? Não somos todos noivas de Jesus Cristo? Jacó teve duas esposas, assim como Abraão, que teve muitas. E todos eles representam a noiva de Jesus Cristo.
Se quisermos seguir o Senhor de todo o coração depois de crermos no evangelho da água e do Espírito, temos que ser como Lia. Temos que amar o Senhor na prática, e não apenas com palavras. E por mais que as pessoas deste mundo não nos reconheçam, nosso coração tem que estar em Deus para que sejamos os verdadeiros santos que o amam, temem e adoram por ele ter nos dado a salvação em Cristo Jesus. É assim que podemos dar muitos frutos espirituais para Deus. Aquele que teme a Deus realmente e não tem nenhum atrativo físico pode se tornar um valioso discípulo que edifica seu reino. Portanto, se quisermos seguir o Senhor, temos de rejeitar toda justiça própria ou tudo aquilo que agrada as pessoas. É isso que devemos fazer. Você pode até achar melhor e mais sábio ter algo que agrada as pessoas depois de receber a remissão de pecados, mas não é isso que Deus quer de nós. Se olharmos para os verdadeiros discípulos de Jesus, veremos que eles deixaram tudo para segui-lo.
Queridos irmãos, olhem bem para si mesmos. Antes vocês tinham do que se exaltar, mas o que aconteceu quando vocês receberam a remissão de pecados a abriram mão de tudo isso? Vocês não passaram a amar o Senhor ainda mais e segui-lo de coração? Eu aposto que todos vocês passaram por isso. Vocês hoje não amam o Senhor mais do que antes? E se vocês amam mais o Senhor agora do que antes de se converter, isso significa que vocês deixaram para trás muitas coisas que amavam.
No entanto, se vocês ainda não seguem o Senhor ou o amam de todo o coração, o que isso significa então? Se sua fé ainda é capenga, isso mostra que você ainda se preocupa com aquilo que agrada as pessoas. Não se esqueça disso. Você não poderá dar frutos espirituais se não for amado pelo Senhor. E se não for amado pelo seu marido espiritual, está claro então que você ainda depende do favor do homem.
 
 

Deus se agrada de quem tem fé

 
O fato de termos atrativos físicos ou habilidades especiais não conta muito, pois somos bons mesmo somente quando estamos em Deus, nos alegramos e temos orgulho dele. Os que amam ao Senhor Deus e o glorificam por seu amor, oram quando têm um problema e buscam respostas nele, não conseguem viver sem ele, e se alegram na sua Palavra e em tudo que ele faz – estes irmãos são os verdadeiros seguidores de Jesus Cristo.
Quem não segue Jesus não pode viver bem sem ele. Eles se preocupam com a fama, com seus bens, habilidades e tudo que lhes dão orgulho. Mas no fim o que acontece? Eles podem até ser reconhecidos pelas pessoas deste mundo, mas nunca serão reconhecidos por Deus. Por isso que devemos rejeitar tudo que é humanamente atraente, continuar seguindo o Senhor pela fé na Palavra de Deus, confiando em Jesus Cristo e temendo a ele. É deste modo que devemos buscar o Senhor, pois assim todos nós prosperaremos. Este é o derradeiro amor do nosso Senhor.
A verdade é que a salvação do nosso Senhor é algo valioso e grandioso, pois ele nos salvou de todos os nossos pecados. Jesus veio a este mundo, foi batizado, morreu na cruz, ressuscitou dos mortos e nos adotou como filhos. Graças ao que fez, hoje somos as preciosas noivas de Cristo, embora para o mundo não tenhamos nada do que nos exaltar. Os discípulos do Senhor são aqueles que o seguem com esta fé. Vocês estão entendendo?
Seguir o Senhor de qualquer jeito não fará de você seu discípulo. E a primeira coisa que devemos fazer para sermos seus discípulos é rejeitar o que é bom para as pessoas deste mundo. Só então devemos buscar o Senhor. Este é o único modo de sermos amados pelo nosso verdadeiro marido, Jesus Cristo. Mas como é que estamos seguindo o Senhor? Estamos seguindo-o de qualquer jeito? Aqueles que creem que podem mover o céu com sua sinceridade usam seus atrativos físicos para seguir o Senhor. Mas como é que Jesus lida com eles? Ele se afasta deles e diz: “Fiquem longe de mim! Não me sigam mais!” Então eles dizem: “Por que nos odeia, já que estamos seguindo-o de todo o nosso coração? Tu tens teus favoritos? Amar uns e odiar outros sem nenhuma razão é favoritismo.” Mas se eles não controlarem seu temperamento e julgarem o Senhor, ele dirá: “Por que vocês estão bravos comigo, já que são amados por tanta gente?” Esse tipo de gente atraente fisicamente não segue o Senhor. O amor do Senhor se torna uma vaga lembrança quando somos amados pelas pessoas do mundo.
 
 

“Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele”

 
Amados irmãos, vejam como está este mundo. Como é que estão as coisas? Os pastores famosos não estão sendo reconhecidos e honrados pelas pessoas deste mundo? Mas o que eles estão fazendo na verdade? Eles estão fazendo mesmo a obra da justiça de Deus? Não, não estão; e nem podem. Eles dão frutos espirituais da salvação em Jesus Cristo? Não. Por esta razão é que eles não dão frutos espirituais: eles acham que são melhores do que os outros. Eles aparecem diante do público usando títulos honrosos e chamam a si mesmos de “doutores, reverendos, etc.” E os crentes deste mundo só se importam se o ministério deles está crescendo, e não se seus sermões são baseados na verdade bíblica. Eles nem se importam se disserem que Lia era esposa de Isaque. Também não dão importância se seu pastor lhes disser que Jesus tirou apenas os pecados originais, mas não todos os pecados do mundo. Para eles não faz diferença se seu pastor lhes disser que Jesus não tirou todos os nossos pecados quando foi batizado. O título que esses pastores carregam, como doutor em divindade ou doutor em teologia, faz com que as pessoas confiem totalmente neles. E a situação chega ao cúmulo quando alguns cristãos milionários pedem a eles em segredo para ser tutores de seus filhos. Isso é loucura. É até engraçado ver como eles honram esses pastores, dizendo: “Pastor, você é o melhor.” Mas eles na verdade são mercenários. E como a igreja quer dar tudo a eles para alimentar seus desejos carnais, eles se tornam muito gananciosos. Por isso que eu os chamo de gulosos.
No entanto, o que você acha que estes pastores ensinam a esses membros que estão aficionados por eles sobremaneira? Eles não sabem o que lhes dizer, muito menos como rejeitar sua própria justiça e orgulho para seguirem o Senhor. Eles não dizem às pessoas que o evangelho da água e do Espírito, que Jesus cumpriu vindo a esta terra, sendo batizado, morrendo na cruz e ressuscitando dos mortos para nos salvar de uma vez por todas, é o único e verdadeiro evangelho que Deus nos deu. Eles acham que todos podem ser salvos se crerem em Jesus como seu Salvador. E como não querem correr o risco de perder pontos junto à sua igreja, eles não dizem estas coisas. As pessoas são muito boas no que se refere a cuidar da sua popularidade. Eles são como os artistas que fazem de tudo para não perder o brilho, escolhendo bem as roupas e maquiagem que vão usar, a fim de aparecerem muito bem em cena. E é justamente isto que todos os pastores deste mundo estão fazendo.
 
 
Sejam cheios do favor de Deus em seu coração
 
Queridos irmãos, todos nós somos a noiva de Jesus Cristo. Meditem na mensagem de hoje e saibam que não é algo bom querer ser favorecido pelas pessoas do mundo. É isso mesmo. Como noiva de Jesus Cristo, não devemos buscar o favor das pessoas. Isso significa então que não deve haver beleza alguma em nós? Não, não é isso. Se vocês encherem seus vasos com o amor de Jesus Cristo, sua salvação e coisas espirituais, todo o seu ser será algo lindo. Isso parece até fácil, mas na verdade é muito difícil. Mas é algo que vale a pena. Você e eu temos que fazer isso.
Às vezes pensamos que não dá para viver sem algo que atraia em nós, mas a verdade é que podemos viver muito bem sem isso. As pessoas investem em si mesmas achando que precisam ter algo de bom em si mesmas, mas ouça o testemunho dos fiéis seguidores de Cristo. Eles não precisam de nada disso e ainda assim comem bem, vivem muito bem e têm uma vida feliz porque seguem o Senhor com dedicação, não é verdade?
Por outro lado, como é a vida daqueles que só se importam em ter algo bom em si mesmos? Eles se sentem esgotados ao cuidar de si mesmos. E quanto mais possuem, mas precisam lutar para não gastar demais e cuidar dos seus bens. Mas o que achamos que é nosso, na verdade não é. Pense nisso. Tudo que temos é nosso até morrermos, pois não podemos levar nada conosco. Amados irmãos, eu estou falando bobagem? Claro que não. As coisas deste mundo parecem muito boas, mas são temporárias. Por isso que o apóstolo Paulo disse que “nada trouxemos para este mundo, e manifesto é que nada podemos levar dele” (1 Timóteo 6:7).
Nós cristãos vivemos melhor sem nossos bens, pois assim podemos confiar apenas no Senhor. E acabamos sendo muito felizes porque louvamos a Deus e sabemos que ele recebe nossa adoração. Irmãos, vocês querem ser verdadeiros discípulos de Jesus Cristo e dar muitos frutos espirituais? Vocês precisam ser como Lia, e não como Raquel, para que sejam discípulos de Jesus. Em outras palavras, vocês não devem se exaltar de novo, mas confiar apenas no Senhor.
O apóstolo Tiago disse: “Mas glorie-se o irmão abatido na sua exaltação, e o rico em seu abatimento; porque ele passará como a flor da erva” (Tiago 1:9-10). Há alguém aqui com o orgulho ferido porque não tem do que se exaltar? Eu espero que nenhum de vocês seja assim. Queridos irmãos, não ter nada do que se exaltar perante as pessoas é a fonte do vigor espiritual que nos leva a viver pela fé na presença de Deus. Se não temos do que nos exaltar, devemos ser muito gratos. Devemos ser gratos sim, pelas nossas falhas. Veja Zaqueu, que foi salvo pelo Senhor. Você acha que alguma mulher amaria Zaqueu hoje em dia? Claro que não. As mulheres não gostam de homens baixinhos e feios, não é verdade? Zaqueu era tão pequeno que precisou subiu numa figueira brava para ver Jesus. E embora não fosse admirado pelas pessoas, ele foi muito amado por Deus.
Amados irmãos, não se preocupem com suas inabilidades. Em Cristo elas podem ser transformadas em algo que lhes deixem orgulhosos. E isso é muito gratificante. Já que não há nada em vocês que atraia a atenção das pessoas do mundo, elas não vão perturbá-los; e isso também é gratificante. Imagine se as pessoas do mundo nos amassem e quisessem nossa atenção o tempo todo. Como seria difícil nos livrarmos delas!
 
 
A pessoa mais linda é aquela que ama o Senhor Deus
 
Amados irmãos, sejam gratos a Deus. Se vocês ainda têm do que se exaltar, se envergonhem disso. A verdade é que as pessoas acham que precisam ter algo de destaque e que as leve a ser reconhecidas pelos outros. Elas acham que precisam ter alguma habilidade ou dom especiais para ser amadas pelos outros. Mas que mulher é de fato sábia? Aquela que é amada pelo seu marido e teme a Deus. Uma mulher assim sempre será muito bela e amada. O mesmo vale para os homens. Um homem bonito de fato teme, ama e segue a Deus. Este é um homem realmente amado.
Por isso, não devemos nos preocupar com nosso físico ou aparência. Temos que ser nós mesmos perante Deus e buscá-lo como realmente somos. Só assim não confiaremos mais nas nossas habilidades, mas somente no Senhor Deus.
A propósito, todos que receberam a remissão de pecados não são pessoas comuns. Embora a princípio não tenha nada demais, só de começarmos a conversar com alguém assim vemos que ele tem algo especial. E os nascidos de novo são tão atraentes assim porque o Senhor habita em seu coração. Sempre nos sentimos bem e edificados quando conversamos com alguém que ama e teme a Deus. E eles são bem atraentes, seja qual for sua aparência. Quem julga as pessoas pela aparência sempre comete grandes erros. E quem só quer casar com uma pessoa bonita sempre acaba tendo um casamento ruim. E quando se arrependem e dizem: “Como posso amar alguém assim” já é tarde demais.
Amados irmãos, as pessoas mais amadas deste mundo são aquelas que amam a Deus. Vocês devem buscar uma esposa ou um marido que são amados por Deus, não pelos homens. Se já casaram, vocês devem buscar agradar a Deus, não os homens. É assim que todos nós devemos agir para sermos muito amados. Temos que ser o povo que é amado por Deus. Lembrem-se sempre disso: seremos amados pelo Senhor ao longo da nossa vida como seus discípulos quando não nos preocuparmos mais com atrativos humanos. O verdadeiro discipulado requer total comprometimento com o Senhor. O lema da nossa igreja é: “Cem por centro comprometido com o Senhor”. É isso mesmo. Todos nós estamos comprometidos com o Senhor. Ninguém nesta igreja é um mero espectador.
 
 

Somos discípulos do Senhor

 
Podemos ver no texto bíblico deste capítulo o que significa ser um verdadeiro discípulo. Das esposas de Jacó, Lia era a mais bonita, não Raquel. Numa perspectiva humana, Raquel era mais bonita que Lia, mas na visão bíblica era justamente o contrário. Deus se agradava mais de Lia do que de Raquel. É isso o que diz a Bíblia.
Como podemos definir nosso sistema de valores e seguir o Senhor? Vocês acreditam no que está escrito na Bíblia? Ou vocês preferem seguir seus próprios padrões e o sistema de valores deste mundo? Eu quero que vocês deixem de lado este desejo de ser reconhecidos pelas pessoas. Só assim vocês poderão ser verdadeiros discípulos do Senhor.
Irmãos, todos nós somos sacerdócio real. E temos que aprender a viver como tais nesta vida. Os que creem no evangelho da água e do Espírito e nasceram de novo têm que rejeitar seus valores humanos e ser discípulos amados do Senhor, que o seguem somente pela fé. Depois que nos tornamos santos, temos que nos tornar discípulos. É isso o que o Senhor quer que façamos. Ele disse: “Recebam a remissão de pecados que tenho para vocês e sejam meus discípulos.” Todos nós temos que confiar no Senhor e segui-lo para sermos seus discípulos.
Hoje falamos sobre o é que ser um verdadeiro discípulo do Senhor. Amados irmãos, temos que ser discípulos valiosos do Senhor. Vocês estão entendendo? E todos nós devemos ser discípulos do Senhor. Não se contentem apenas em ser santos. Vocês já são santos por ter recebido a remissão de pecados. Mas se quiserem fazer parte do grupo dos santos, vocês têm que ser verdadeiros discípulos. Os novatos é que ainda não são discípulos. Irmãos, se apressem para ser discípulos e fazer com que outros sejam também. Há uma diferença muito grande entre os verdadeiros discípulos e os irmãos leigos.
Temos que ser discípulos do Senhor, pois ele quer que sejamos seus discípulos. Ele quer que levemos uma vida de verdadeiros discípulos. Vocês estão entendendo? Temos que nos vestir do amor do Senhor. Eu espero que todos vocês se vistam do amor do Senhor e rejeitem o amor deste mundo.