សេចក្តីអធិប្បាយ

Assunto 16: O Evangelho Segundo JOÃO

[Capítulo 4-2] O Que Traz Satisfação ao Nosso Coração? (João 4:10-24)

O Que Traz Satisfação ao Nosso Coração?
(João 4:10-24)
“Respondeu-lhe Jesus: Se conheceras o dom de Deus, e quem é o que te pede: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva. Disse-lhe a mulher: Senhor, tu não tens com que tirá-la, e o poço é fundo. Onde tens a água viva? És tu maior do que o nosso pai Jacó, que nos deu o poço, do qual ele próprio bebeu e, bem assim, os seus filhos e o seu gado? Respondeu Jesus: Todo aquele que beber desta água tornará a ter sede, mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Deveras, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna. Disse-lhe a mulher: Senhor, dá-me dessa água para que eu não mais tenha sede, nem precise vir aqui tirá-la. Disse-lhe Jesus: Vai, chama o teu marido, e vem cá. Respondeu ela: Não tenho marido. Disse-lhe Jesus: Tens razão em dizer que não tens marido, pois já tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido. Isto disseste com verdade. Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta. Nossos pais adoraram neste monte, mas vós, os judeus, dizeis que é em Jerusalém o lugar onde se deve adorar. Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me, a hora vem em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai. Vós, os samaritanos, adorais o que não conheceis; nós adoramos o que conhecemos, pois a salvação vem dos judeus. Mas vem a hora, e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade, pois o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.”
 
 
No texto bíblico deste capítulo, nós vemos uma mulher samaritana que não tinha alegria em seu coração. Essa mulher samaritana havia tido cinco maridos antes daquele que vivia com ela, mas mesmo assim ela não estava feliz. Seu coração estava espiritualmente seco, vazio e envergonhado diante das pessoas deste mundo. Mas ela precisava da água da vida eterna que somente o Senhor poderia lhe dar, pois só vivia escondida.
A mulher samaritana foi retirar água do poço quando Jesus estava sentado lá. Para começar a conversar com ela, Jesus primeiro pediu a ela: “Dá-me de beber”. A mulher não soube o que dizer, pois um judeu estava pedindo a ela que lhe desse água, mesmo ela sendo uma samaritana desonrada. Isso porque os samaritanos naquela época eram desprezados pelos judeus. Seus antepassados eram israelitas de berço, porém de sangue misturado por causa das várias invasões que houve em Israel. Por isso eles eram desprezados pelos judeus, mesmo que em parte tivessem o mesmo sangue. Sendo assim, quando um homem judeu pediu água à mulher samaritana, ela achou que Ele estava zombando dela.
Então ela disse: “Vocês judeus desprezam muito a nós, samaritanos. Como você, sendo judeu, me pede para que lhe dê de beber?” A mulher samaritana perguntou a Jesus como Ele, sendo judeu, estava pedindo água a ela, já que Ele era judeu e ela, samaritana. Jesus disse a ela: “Se conheceras o dom de Deus, e quem é o que te pede: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e ele te daria água viva” (João 4:10). No que a mulher disse então: “Senhor, tu não tens com que tirá-la, e o poço é fundo. Onde tens a água viva?” (João 4:11). A mulher simplesmente não conseguia entender o que Jesus estava dizendo a ela. No entanto, quando Jesus lhe disse: “Todo aquele que beber desta água tornará a ter sede, mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Deveras, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna” (João 4:13-14), ela disse: “Senhor, dá-me dessa água”, e nosso Senhor disse a ela: “Vai, chama o teu marido, e vem cá”. Ela na mesma hora disse: “Eu não tenho marido”. Jesus disse então: “Você tem razão. Você já teve cinco maridos, mas o que tem agora não é teu marido. Agora você disse a verdade”. A mulher então ficou impressionada e disse: “Como é que Tu sabes tudo sobre mim? Tu és realmente um profeta”.
O poço onde a mulher foi tirar água era o mesmo que seus ancestrais haviam cavado para dele beber, e o monte onde a mulher adorava era o Monte Gerizim, onde os seus ancestrais adoravam também. No que se refere à fé daquela mulher, ela era alguém que se orgulhava da religião dos seus antepassados. Foi por isso que ela falou da sua religião para Jesus. Mas o que ela disse a Ele? Ela disse: “Nossos pais adoraram neste monte, mas vós, os judeus, dizeis que é em Jerusalém o lugar onde se deve adorar” (João 4:20). Ela dava muita importância ao lugar de adoração. Ela estava falando, em outras palavras, sobre a questão de onde a adoração deveria ser prestada, ou seja, qual era o lugar mais santo para a adoração.
Mas Jesus lhe disse: “Mas vem a hora, e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade, pois o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade” (João 4:23-24). Embora ela quisesse que Jesus aprovasse sua religião, Ele lhe disse: “Deus procura por aqueles que O adoram em espírito e em verdade”.
 
 

No que Nós Temos que Crer, e o que Nós Temos que Fazer para Sermos Purificados dos Nossos Pecados?

 
Quando Jesus encontrou aquela mulher era a hora sexta para os judeus (João 4:6). No horário atual era 12 horas, isto é, meio dia. Esse horário na Palestina é tão quente que todos aproveitam para tirar um cochilo. A mulher aproveitou aquele horário para ir retirar água do poço para evitar o olhar acusador dos outros. Ela estava tão envergonhada que procurava evitar os outros, até mesmo para saciar sua sede. Para saciar a sede da sua alma, ela havia tido cinco maridos antes daquele que vivia com ela, mas mesmo assim ela não estava feliz. Jesus ensinou a ela então, a verdadeira razão dela não ter alegria em sua vida e resolveu este problema lhe dando a solução para ele.
Aquela mulher confiava cegamente na religião e na fé do seu povo, mas só que em vão. Entretanto, quando Jesus revelou seu passado e seu presente, ela pôde entender que o Homem que estava falando com ela era o Messias, isto é, o Salvador Jesus de que falava o Antigo Testamento. Hoje, os cristãos que ainda não encontraram a Jesus confiam nas suas denominações como se elas fossem sagradas. Porém, nenhuma denominação deste mundo é o próprio Deus; além disso, nenhuma delas pode dar a vida eterna. As pessoas vão de uma denominação para a outra tentando receber a verdadeira vida eterna, mas nenhuma denominação no mundo pode fazer isso. Somente a Palavra de Deus traz a vida eterna à humanidade. Muitas pessoas ficam dizendo que sua denominação é a melhor, mas elas não podem dizer que ela purificou os pecados do seu coração e resolveu este problema, fazendo com que todos eles fossem remidos ou que elas recebessem a verdadeira purificação de pecados.
Nenhuma religião deste mundo pode resolver o problema com o pecado, nem de um homem sequer. Os cristãos que hoje em dia levam uma vida de fé radical e religiosa não crêem de fato na Palavra de Deus, mas ao invés disso, crêem nos seus próprios pensamentos, e é por isso que eles estão fracassando na sua vida de fé. Eles estão pregando os ensinamentos e as doutrinas das suas próprias denominações e continuam sendo pecadores, pois elas não podem resolver o problema do pecado que existe em seu coração, por mais que eles aprendam estes ensinamentos. Melhor dizendo, esses religiosos não podem ser purificados dos seus pecados, e seu coração continua sedento porque eles não crêem no evangelho da água e do Espírito.
A Mulher samaritana foi sincera quando disse a Jesus que não tinha marido. Na verdade, a mulher não tinha um marido legítimo. O fato dela não ter um marido legítimo não significa que ela não tinha um marido humanamente falando, mas que, espiritualmente falando, ela não tinha encontrado o verdadeiro Salvador. Em outras palavras, o verdadeiro Salvador ainda não havia trazido satisfação ao seu coração.
Todas as pessoas deste mundo estão buscando os prazeres, tentando encontrar a verdadeira satisfação no seu coração. Por isso todas elas estão buscando a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida (1 João 2:16). Mas elas não podem encontrar a verdadeira satisfação com as coisas deste mundo. Alguém pode se sentir satisfeito buscando as coisas do mundo? Não! Quando nós viajamos para um lugar maravilhoso ou buscamos a concupiscência da carne, nós até que podemos nos sentir satisfeitos por algum tempo. Mas essas coisas não podem satisfazer plenamente nosso coração. Nosso coração só pode encontrar a verdadeira satisfação no evangelho da água e do Espírito dado por Deus. Somente através da fé no evangelho da água e do Espírito dado por Jesus é que todo coração pode encontrar a verdadeira satisfação. É por isso que todo aquele que não crê nesse evangelho continua sedento em seu coração.
Se o coração das pessoas se sentisse feliz e aliviado com as coisas do mundo, elas não precisariam procurar por Jesus. A não ser que elas encontrem Jesus e sejam purificadas dos seus pecados tendo fé no evangelho da água e do Espírito, sua vida será sempre vazia. Por mais que alguém seja rico e sua situação muito confortável, se ainda houver pecado em seu coração, ele se sentirá sempre vazio e jamais terá satisfação. Meus amados irmãos, todo aquele que tem pecado em seu coração não pode alcançar a verdadeira paz, mas se ele receber a remissão dos seus pecados, ele então a alcançará. Vocês têm que entender que a mulher samaritana não era inteiramente feliz, mesmo tendo cinco maridos antes e buscando encontrar a felicidade com a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a , soberba da vida, com riqueza, fama, glória e prazeres carnais. Mas todos neste mundo, por mais cansada, triste e oprimida que sua vida esteja, ainda pode receber a verdadeira remissão de pecados e a verdadeira alegria se encontrarem o evangelho da água e do Espírito dado pelo Senhor. Todo aquele que crê na Palavra do evangelho da água e do Espírito dada pelo Senhor pode ter a verdadeira satisfação em seu coração.
Muitas pessoas procuram se satisfazer com coisas carnais. Mas nenhuma satisfação pode ser conseguida com as coisas deste mundo. Elas procuram ter coisas materiais achando que isso satisfará os seus desejos, mas no final acabam descobrindo que não podem se satisfazer com essas coisas. Somente crendo no evangelho da água e do Espírito dado pelo senhor é que todos podem alcançar a verdadeira satisfação. O que resolve o problema do pecado que há no coração das pessoas é a Palavra do evangelho da água e do Espírito. Se o problema que alguém tem com o pecado é resolvido em seu coração, e isso vale para todo mundo, ele então pode ter a verdadeira satisfação em seu coração e alcançar a verdadeira felicidade, mesmo que ele não tenha muitos bens materiais e sua situação esteja longe de ser a ideal. Por outro lado, contudo, se ele não encontrar o Senhor e por isso não puder receber a verdadeira remissão de pecados no seu coração, não haverá nele a verdadeira satisfação. O motivo das pessoas trocarem de religião e irem de uma denominação para outra é a falta da verdadeira satisfação em seu coração. As pessoas do mundo fazem de tudo para se satisfazer, vão para danceterias, acumulam riquezas, mas apesar de todo o esforço não conseguem alcançar a verdadeira satisfação. Se você não receber a verdadeira remissão de pecados em seu coração por crer no evangelho da água e do Espírito, você nunca poderá ter a verdadeira satisfação com as coisas deste mundo.
Para que todo mundo encontre a verdadeira satisfação em seu coração, eles têm que crer de coração no evangelho da água e do Espírito. Se você crê no evangelho da água e do Espírito, você pode entender quem é Jesus, o que é a remissão de pecados, e como Ele apagou todos os seus pecados; você pode experimentar a verdadeira salvação pelo qual Ele realmente apagou seus pecados; você pode desfrutar da verdadeira alegria. Se nós não crermos nesse verdadeiro evangelho, tudo mais é completamente inútil, por mais fervorosamente que oremos a Deus, invoquemos Seu nome, façamos muito barulho, jejuemos o tempo todo ou caiamos arrebatados no chão.
Mesmo que você tenha falado em línguas, tido visões ou encontrado Jesus em seus sonhos, isso não significa que você de fato encontrou Jesus. Todo aquele que tem pecado em seu coração não encontrou Jesus ainda. Se ainda há pecado no seu coração, você não está em Cristo então, porque a Bíblia diz que: “Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus” (Romanos 8:1). Você não se satisfaz com nada, mesmo crendo em Jesus, porque você não tem fé no evangelho da água e do Espírito.
Quando alguém pergunta: “Como é que vai sua vida?” Alguns respondem: “Bom, eu só estou vivo mesmo porque eu ainda não morri”. E quando perguntam: “O que vocês fazem na vida?” Eles dizem apenas: “Nada. Eu somente vivo”; quando perguntam: “Por que vocês estão vivos?” Eles respondem: “Porque eu ainda não morri;” e quando perguntam: “Por que vocês comem?” Eles respondem: “Só para não morrer. Eu como porque sou obrigado”. A maioria das pessoas está tendo uma vida sem sentido assim.
Amados irmãos, a não ser que tenhamos em nosso coração o evangelho da água e do Espírito, nós também não teremos nenhuma satisfação. Quando nossa carne está cansada, triste e estressada, é natural que reclamemos de tudo. No entanto, nós podemos viver felizes porque o Senhor resolveu o problema do pecado que havia em nosso coração através do evangelho da água e do Espírito. Todos os nossos problemas carnais não têm importância alguma, já que nós os vencemos pela fé. Por outro lado, mesmo tendo todos esses problemas simples resolvidos, se nós não resolvermos o problema dos nossos pecados e continuarmos sedentos, nunca estaremos satisfeitos realmente.
Todos os filósofos deste mundo fizeram a si mesmos essas mesmas perguntas: “Quem sou eu? O que sou eu? De onde eu vim, para onde eu vou?” Mas eles também não conseguiram encontrar uma solução para estes problemas da vida antes de morrer. Esses filósofos famosos que vocês conhecem nunca conseguiram resolver o problema sobre quem somos, de onde viemos e para onde vamos, e no final eles acabaram indo para o outro mundo sem resolver nenhum desses problemas, muito menos o problema dos seus pecados.
Você conhece a si mesmo? O que você tem que entender é que você é um ser humano criado à imagem e semelhança de Deus. O ser humano só pode viver como filho de Deus quando seu coração é purificado do pecado crendo no evangelho da água e do Espírito. Como é que meros mortais podem entrar no Reino dos Céus? As pessoas só podem entrar no Céu nascendo de novo da água e do Espírito (João 3:5). Todo mundo, não importa quem seja, só pode entrar no Reino dos Céus quando recebe a remissão dos seus pecados crendo no evangelho da água e do Espírito em seu coração. Seu coração está confuso e vazio porque ainda existe pecado nele. Aqueles que têm uma mente carnal dizem que tudo que eles têm que se preocupar é com as roupas, com o alimento e em ter uma casa. Mas o que eles têm que entender é que, mesmo quando suas necessidades básicas são supridas, o problema da sua alma ainda estará lá.
Eu mesmo desejei muito ter os pecados do meu coração purificados, mais do que as riquezas e a glória deste mundo, pois antes eu estava perdido espiritualmente. A minha vida era difícil e eu não tinha a verdadeira satisfação antes de encontrar o evangelho da água e do Espírito. Por isso, eu desejei de todo o meu coração conhecer a Verdade que resolveria o problema do pecado. Naquela época eu era como a mulher samaritana. Quando eu acordava de manhã e via o sol, eu sentia vergonha de mim mesmo e ficava deprimido. Como Jó, eu queria que o sol não nascesse. Eu queria que o mundo não fosse tão sombrio.
Eu era assim, mas como a mulher samaritana eu encontrei o Senhor e conheci o evangelho da água e do Espírito. Então, todas as dúvidas que eu tinha sobre os ministérios do Senhor foram respondidas de uma vez. Eu passei a entender toda obra da salvação que o Senhor realizou por mim: porque o Senhor foi batizado; como Ele levou os pecados do mundo; como Ele morreu na Cruz, ressuscitou do mortos e ascendeu aos Céus; e o que vai acontecer quando Ele voltar.
Eu comecei a procurar a Verdade sobre o nascer de novo desde que eu entendi a gravidade de todos os pecados do meu coração. E desde que eu passei a crer na Verdade do evangelho da água e do Espírito eu encontrei a verdadeira satisfação, até mesmo quando eu não bebia, cantava ou dançava. Eu vi que meu coração não se satisfaria com as coisas da carne. Eu posso até ficar chateado às vezes, mas por mais cansado que eu possa estar agora, o velho homem que eu era antes de nascer de novo não pode ser comparado com meu novo homem. Até mesmo os sofrimentos que eu tinha antes não podem ser comparados com os meus sofrimentos agora. Desde que eu nasci de novo crendo no evangelho da água e do Espírito, por mais cansado que eu esteja, eu só fico assim por causa da minha carne; eu não tenho mais medo de ir para o inferno. É por isso que eu sempre estou alegre. Eu aconselho a todos vocês também a aceitar pela fé a verdadeira remissão de pecados em seu coração.
Nós podemos ver que há muitas igrejas. Mas podemos ver também que a maioria delas não pertence à Igreja de Deus. Mas para que entendamos isso, temos que ver se os pregadores dessas igrejas receberam de Deus a remissão de pecados. Só quando eles tiverem o problema do seu pecado resolvido é que eles se tornarão verdadeiros servos de Deus, e assim poderão resolver o problema do pecado que há no coração dos membros da sua igreja. Aqueles que pregam a Palavra de Deus sem ter resolvido o seu problema com o pecado não são servos de Deus nem Seu povo. Só porque você faz parte de uma mega igreja deste mundo, isso não significa que você encontrou realmente o evangelho da água e do Espírito. O que você precisa entender é que somente as igrejas que pregam o evangelho da água e do Espírito é que pertencem a verdadeira Igreja de Deus.
Muitos estão buscando resolver o problema com o pecado freqüentando igrejas onde não há o evangelho da água e do Espírito. E obviamente estamos tentando pregar o verdadeiro evangelho a eles também. Contudo, eles têm que entender que sua fé é uma coisa ética, e por isso é difícil eles encontrarem o evangelho da água e do Espírito. Essas pessoas hoje em dia acreditam literalmente que se alguém bater na sua face elas têm que virar a outra face. Quem pode viver assim, já que todo ser humano é um poço de pecados? Afinal de contas, não foi por isso que Jesus veio até nós? Como um cristão que confessa crer em Jesus, você deve se perguntar se você não é uma pessoa cuja fé é guiada pela ética. Pessoas assim não podem encontrar o evangelho da água e do Espírito justamente porque elas estão agindo como se fossem melhores do que Jesus. Eu digo isso porque é difícil encontrar a Jesus, que veio pelo evangelho da água e do Espírito, através dessa fé moral. A primeira coisa que você tem a fazer é reconhecer sua natureza pecaminosa, porque somente os pecadores podem encontrar este evangelho da água e do Espírito.
Todos têm que entender que eles têm que ser purificados de todos os seus pecados e nascer de novo crendo na Palavra do evangelho da água e do Espírito. Os Cristãos de hoje em dia que confessam crer em Jesus mas ainda têm pecados, estão só levando uma vida de fé ética. Se o problema do pecado não for resolvido, mesmo eles freqüentando a igreja e dando ofertas sempre, eles têm que encontrar então o evangelho da água e do Espírito e crer nele. A não ser que eles façam isso, eles viverão espiritualmente enganados.
Se você vier para a Igreja de Deus e quiser ofertar, você primeiro tem que receber no seu coração a remissão de pecados crendo no evangelho da água e do Espírito, e só depois ofertar. Quando ofertamos a Deus, nós fazemos isso totalmente por livre e espontânea vontade. Tudo que se refere à nossa vida de fé deve ser totalmente guiado por Deus. Nós temos que viver pela fé de todo o nosso coração, colocando nossa fé na Palavra do evangelho da água e do Espírito.
Quando alguém procura nascer de novo livre dos seus pecados, ele pode conseguir isso agindo por si mesmo? Essa é uma maneira errada de pensar. Como é que alguém pode ser purificado dos seus pecados pelas boas obras? Se alguém tentar nascer de novo livre dos seus pecados pelas suas obras, ele é um impostor e um fariseu então. Eu aconselho todos vocês a nascer mesmo de novo livres de todos os seus pecados, crendo na Palavra do evangelho da água e do Espírito que o Senhor Jesus no deu. Encontre a Verdade, que Jesus resolveu todos os nossos problemas com o pecado de uma só vez pela água, pelo sangue e pelo Espírito. Creia nessa Palavra do evangelho da água e do Espírito e nasça de novo livre de todos os seus pecados. Veja na Palavra da Verdade como Jesus apagou todos os seus pecados e nasça de novo crendo nela. O evangelho da água e do Espírito que a Bíblia fala não é nenhum outro senão a Palavra de Verdade sobre o nascer de novo.
Amados irmãos, o fato de muitos cristãos crerem hoje que devem se santificar indo à igreja, parando de beber e de fumar e não pecando, significa que eles deixaram se levar pelos seus próprios pensamentos infundados. Alimentar conceitos falsos como estes é o mesmo que inventar aos poucos novas doutrinas cristãs. Crer que alguém pode ser santificado aos poucos não pecando não passa de um engano de Satanás. O fato de muitos cristãos sentarem com toda a calma e dizerem amém e aleluia durante o culto, e o fato deles viverem uma vida totalmente desvirtuada da Palavra de Deus significa que eles ainda não nasceram de novo da água e do Espírito. Não é levando uma vida de santidade que alguém pode ser liberto dos seus pecados. A única forma de nascermos de novo livres dos nossos pecados é crendo que Jesus apagou todos eles com o evangelho da água e do Espírito. De forma alguma nós podemos nos tornar sem pecado levando uma vida justa.
Os ricos não podem entrar no Reino dos Céus com sua própria justiça. É mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha do que um rico entrar no Reino dos Céus. É impossível alguém nascer de novo livre dos seus pecados por meio de boas obras. Foi por isso que o Senhor disse: “Para os homens isto é impossível, mas para Deus tudo é possível” (Mateus 19:26). Nós temos que entender que é o Senhor que apaga todos os nossos pecados através do evangelho da água e do Espírito. Nós temos que saber como Deus apagou os nossos pecados. Só então nós poderemos encontrar a Verdade sobre o nascer de novo. Nós temos que ter a verdadeira fé crendo no evangelho da água e do Espírito. Eu fui liberto de todos os meus pecados crendo neste evangelho da água e do Espírito. Você também foi liberto do pecado crendo no evangelho da água e do Espírito? Se você foi realmente liberto do pecado crendo no evangelho da água e do Espírito, você é mesmo uma pessoa feliz então, por mais difícil que seja sua vida.
Na Palavra de Deus que nós lemos antes, há uma mulher samaritana. Quando Jesus pediu água àquela mulher, ela ficou surpresa porque não era comum um judeu se relacionar com um samaritano. Por isso ela perguntou: “Como é que um judeu como você pede água a mim, uma mulher samaritana?” Mas Jesus disse a ela: “Se você soubesse quem está te pedindo água Eu te daria a vida eterna”. Ela então acabou descobrindo que Jesus era o verdadeiro Salvador enquanto conversava com Ele. Na verdade, Jesus é realmente o Salvador de toda humanidade. Há milhares de anos atrás Deus havia prometido que enviaria o Salvador a todos os homens, e este Salvador não é outro senão Jesus Cristo. A mulher samaritana dessa passagem bíblica não reconheceu Jesus a princípio, mas depois ela viu que Ele era o Salvador.
Amados irmãos, quem é Aquele que nos dá a verdadeira água da vida eterna? Quem é Aquele que sacia mesmo a sede do nosso coração para sempre? Não é o nosso Senhor Jesus? Vocês já foram salvos pelo evangelho da água e do Espírito que Ele nos deu? Nosso Senhor é o Salvador que nos livrou de todos os pecados deste mundo através do evangelho da água e do Espírito. Aquele que dá a água viva a todos que vivem nessa terra não é um homem, mas o Salvador do homem. Jesus é o Salvador que realmente saciou nosso coração e resolveu nossos problemas carnais e espirituais. Nosso Senhor não nos deu a vida eterna através das coisas materiais deste mundo. Por vivermos neste mundo que parece um deserto, todos nós fomos à procura de Jesus para encontrar a água viva, pois estávamos espiritualmente sedentos. E Jesus teve um encontro conosco então, através do evangelho da água e do Espírito.
O que nós mais precisávamos quando estávamos lutando contra todas as adversidades deste mundo, e quando o nosso coração mais precisava da salvação de Deus, era o evangelho da água e do Espírito. Só nosso Senhor pôde resolver todos os problemas que tínhamos com o pecado através do evangelho da água e do Espírito. E somente Ele nos deu a verdadeira vida. Já que estávamos cansados e não tínhamos prazer em nada por causa dos nossos pecados, quando eles nos faziam lutar neste mundo que parece um deserto, e quando estávamos morrendo por causa dos muitos problemas que eles nos causavam, nosso Senhor nos deu a água viva através do evangelho da água e do Espírito, que faz com que nunca mais tenhamos sede. Jesus se tornou o Senhor que nos dá a água viva para que nunca mais tenhamos sede.
Foi um ser humano que purificou os nossos pecados ou algo material? Foram as doutrinas cristãs deste mundo? Não! Foi só Jesus que resolveu todos os problemas da nossa vida, e Ele é o único Salvador que nos deu o evangelho da água e do Espírito. Jesus é o nosso único Salvador, e foi por isso que Ele deixou Sua glória e veio a essa terra, recebeu todos os nossos pecados sobre Seu próprio corpo através do Seu batismo, foi crucificado e derramou Seu sangue, e nos salvou assim. Ele se tornou nosso bom Pastor ao nos dar todas as bênçãos que nós precisamos para viver neste mundo, que nos fortalecem quando nosso coração está cansado e aflito e que resolve todos os problemas do nosso coração.
Através do evangelho da água e do Espírito Jesus resolveu o problema do pecado, que nós por nós mesmos não podíamos resolver, e nos deu a vida eterna. Nosso Senhor é o Deus que tornou possível a você e a mim, que cremos no evangelho da água e do Espírito, beber da verdadeira água da vida eterna. Nosso Senhor nos permitiu receber a remissão de pecados e a vida eterna, abençoou os crentes com o evangelho da água e do Espírito para que eles se tornassem filhos de Deus e supriu todas as nossas necessidades neste mundo. Na verdade, o dom da salvação que Deus nos deu é infinitamente maior do que nós podemos imaginar.
Por isso que eu estou sempre pensando no Senhor. Se não fosse pelo Senhor, como é que poderíamos viver num mundo como este, que é como um deserto? Se não fosse pelo nosso Senhor, nós já teríamos morrido de sede espiritual há muito tempo. Todos nós estávamos condenados a viver neste mundo sedentos e sem satisfação alguma, se não fosse pelo Senhor.
Sabendo de tudo que nós precisamos enquanto vivemos neste mundo, nosso Senhor supre todas as nossas necessidades sempre que oramos a Ele. Deus sempre nos abençoa, nós que vivemos neste mundo que é como um deserto. E Ele resolveu não somente os problemas com os nossos pecados, mas muitos outros problemas também. Nós precisamos clamar pela Sua graça para recebermos estas bênçãos e precisamos viver pela fé. Quando nosso coração clama pela graça de Deus é que nós podemos finalmente entender a extensão da Sua graça.
Você sente em seu coração o desejo de pedir a ajuda de Deus agora? Já que é pela graça do Senhor que temos vivido até hoje, é pela graça do Senhor também que nós continuamos vivendo. Assim como o Senhor deu água viva àquela mulher samaritana e resolveu todos os seus problemas, eu creio que Deus também irá nos dar todas as bênçãos que precisamos para viver neste mundo e nos vestir com elas. E pela fé eu sou grato a Ele.
Jesus disse àquela mulher: “Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede. Deveras, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna” (João 4:14). Ela tinha tanta vergonha que não ousava sair durante o dia. Mas ela precisava de água todos os dias. Por isso que ela ia retirar água na hora mais quente do dia, quando todos estavam descansando. Como sua rotina diária devia ser cansativa por causa disso! Já que ela precisava de água para cozinhar, para lavar roupa e tomar banho, ela tinha que retirar água do poço todos os dias. Mas aquela mulher samaritana só podia tirar água do poço na hora mais quente do dia. Como ela deve ter ficado feliz então, quando o Senhor disse a ela que lhe daria uma fonte que jorra para a vida eterna! Foi por isso que ela pediu a Jesus: “Se existe essa água, dá-me dela pelo menos uma vez”.
Amados irmãos, nós também temos que beber água todos os dias, mas mesmo assim sempre estamos com sede. Porém se houvesse um tipo de água que nos saciasse para sempre e nos fizesse nunca mais ter sede se a bebêssemos, nós também não imploraríamos a Ele para nos dar essa água? Jesus disse àquela mulher: “Vai, chama o teu marido, e vem cá” (João 4:16). Ela então respondeu: “Não tenho marido” (João 4:17). Disse Jesus então, elogiando-a: “Já tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido” (João 4:18). No que a mulher disse: “Isso é verdade! Como é que Tu sabes que eu vivo desse jeito? Senhor, eu agora vejo que Tu és um profeta!” Aquela mulher pôde entender então que Jesus era um profeta, daqueles que sabem de tudo que aconteceu no passado e o que acontecerá no futuro. No começo ela pensou que Jesus fosse apenas mais um profeta, mas depois de continuar conversando com Ele ela viu que Ele era realmente o Messias.
Foi algo comum aquela mulher ter vivido com não menos que seis homens naquela época? Talvez não tenha sido grande coisa, mas na Coréia ela teria estabelecido um novo recorde. Os coreanos não trocam de cônjuges com tanta facilidade assim. O problema dela é que sua consciência estava pesada por causa dos seus pecados. Mas Jesus disse tudo aquilo a ela não porque Ele queria apenas expor seu problema com o pecado, mas também para resolver todos eles.
Nós sabemos quem é o Salvador tanto no Antigo quanto no Novo Testamento. Nós sabemos que Jesus é o Cordeiro do sacrifício de que fala o Antigo Testamento, e que ao ter vindo a essa terra e ter sido batizado por João Batista, Jesus levou não apenas todos os pecados daquela mulher, mas todos os pecados deste mundo. Foi através de quê que o Senhor resolveu todos os problemas que o homem tinha com o pecado? Ele resolveu todos os problemas que nós tínhamos com o pecado através do evangelho da água e do Espírito. Amados irmãos, por que antes nós tínhamos uma vida amaldiçoada e não podíamos receber a bênção de Deus? Por causa do pecado em nosso coração. O pecado criou uma barreira que nos separava de Deus, e era por isso que tínhamos uma vida amaldiçoada. A barreira que havia entre nós e Deus não era nenhuma outra senão a barreira do pecado que nos separava de Deus.
O Senhor resolveu este problema que nós tínhamos com o pecado de uma vez por todas quando veio a essa terra. Mas como Ele fez isso? Nosso Senhor resolveu o problema que nós tínhamos com todos os nossos pecados e que nos condenaria ao ser batizado por João Batista no rio Jordão, levando os pecados deste mundo de uma vez por todas, carregando-os até a Cruz e derramando Seu sangue sobre ela, e ressuscitando dos mortos. Nós temos que ouvir e crer na Palavra da vida eterna enquanto vivemos, temos que crer que o Senhor resolveu todos os nossos problemas com o pecado. É através da nossa fé no evangelho da água e do Espírito que podemos desfrutar da vida eterna e ter verdadeira felicidade.
Amados irmãos, assim como o Senhor concedeu àquela mulher a remissão de pecados e a água da vida eterna, Ele fez o mesmo conosco. Aquela mulher havia tido não menos do que cinco maridos além daquele com quem ela vivia sem ser casada legalmente. Por que aquela mulher teve tantos maridos? Porque ela esperava encontrar a felicidade em seus maridos. Como ela, muitas pessoas esperam encontrar a felicidade no lugar errado, achando que serão felizes se elas tiverem muito dinheiro, fama, poder, conhecimento ou diversão. Espiritualmente falando, nós temos que entender que nós também tínhamos cinco maridos. Todos nós também procurávamos tudo isso e pecávamos assim até encontrarmos o verdadeiro Noivo, Jesus. Nós não tínhamos como evitar de pecar até o dia da nossa morte e estávamos condenados por causa dos pecados que cometíamos. Contudo, ao invés disso, nosso Senhor resolveu todos os problemas que nós tínhamos com o pecado com Seu batismo e Seu sangue na Cruz. Como nós somos gratos e devedores a Deus por isso! O Senhor resolveu todos os problemas que tínhamos com nossos pecados e não deixou nenhum deles sobrando porque Ele é o Senhor Todo Poderoso.
 
 

Geralmente, Quando as Pessoas Admitem Seus Pecados, Elas Costumam Reconhecer Só os que Elas Cometeram Exteriormente

 
As pessoas geralmente consideram pecado aquilo que fazem exteriormente, mas não consideram pecado o que elas cometem em seu coração. É por isso que elas fazem de tudo para não pecar em seus atos, mas mesmo assim estão propensas a continuar pecando. A lei do mundo aponta apenas os pecados que elas cometem em seus atos, e pune somente os pecados que são revelados. Mas a Lei de Deus aponta tanto os pecados que são revelados quando os ocultos, e o resultado desses pecados é a condenação. Aqueles que não conhecem a Lei de Deus ou não a reconhecem de maneira correta sempre dizem: “Eu não tenho pecado”. O pior é que há muitos que não reconhecem os pecados do seu coração, até mesmo aqueles que freqüentam a igreja. Eles acham que não serão condenados por seus pecados. E o problema é que há muitas pessoas assim.
Não há ninguém que possa evitar de pecar o tempo todo enquanto vive neste mundo. Você tem que entender que os que parecem justos em seus atos, na verdade cometem muito mais pecados do que a mulher samaritana. Mesmo que alguém não haja como ladrão, ainda assim ele rouba com sua mente e com seu coração. Embora as pessoas não tenham cometido nenhum assassinato de fato, elas já assassinaram a muitos em sua mente e em seu coração. A verdade é que é muito difícil para muitas pessoas reconhecer que seu verdadeiro eu é pecador, e por isso elas não sabem que serão condenadas pelos seus pecados.
Todavia, porque Deus vê o que há dentro do coração do homem, Ele diz que há muitos pecados dentro dele. Foi por isso que Ele disse: “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e incorrigível. Quem o conhecerá? Eu, o Senhor, esquadrinho o coração, e provo a mente, e isto para dar a cada um segundo os seus caminhos, e segundo o fruto das suas ações” (Jeremias 17:9-10).
As pessoas que ainda não nasceram de novo precisam arar toda a terra do seu coração e saber que os seus pecados estão ocultos dentro dele. Elas precisam entender que existem muitos pecados em seu coração e que Deus irá condená-las por causa desses pecados. Quando elas finalmente admitirem que serão condenadas pelos seus pecados, elas poderão entender então o quanto precisam crer no evangelho da água e do Espírito.
 
 

A Função da Lei Dada por Deus

 
A Lei que Deus nos deu prepara o nosso coração, expõe o pecado que há nele e, além disso, se torna o aio que nos leva ao Salvador. É por isso que a Bíblia diz em Romanos 3:20: “Por isso ninguém será justificado diante dele pelas obras da lei; antes, pela lei vem o conhecimento do pecado”. Existem 613 estatutos e mandamentos na Lei de Deus do que devemos e não devemos fazer. Essa Lei de Deus exige perfeição de todos nós. Portanto, A Lei de Deus só pode ser cumprida quando nós a guardamos totalmente, 100 por cento. Guardar 10, 50 ou 80 por cento da Lei é o mesmo que não cumpri-la. Se alguém quebra uma Lei apenas, quebra ela toda, e isso significa que ele não consegue guardá-la. A Bíblia diz: “Pois qualquer que guardar toda a lei, mas tropeçar em um só ponto, torna-se culpado de todos. Pois aquele que disse: Não adulterarás, também disse: Não matarás. Ora, se não adulteras, mas matas, tornas-te transgressor da lei” (Tiago 2:10-11). Como a Palavra de Deus afirma aqui, se alguém não guardar a lei e tropeçar em um só ponto, ele torna-se culpado de todos. Quebrar um mandamento que seja da lei, em outras palavras, é o mesmo que quebrar toda a lei.
Nós quebramos a Lei poucas vezes em nossa vida então? Não, não é isso que acontece. Pelo fato da nossa natureza ser pecaminosa, não há como evitarmos de quebrar a Lei repetidas vezes. O sétimo dos Dez Mandamentos diz: “Não adulterarás”. Nós somos capazes de guardar este mandamento de Deus? Para guardarmos este mandamento de Deus, nós não poderíamos ter nenhum pensamento impuro sempre que víssemos uma mulher. Mas nós temos como não cometer nenhum pecado em nosso coração? Jesus disse: “Ouvistes que foi dito aos antigos: Não cometerás adultério. Eu, porém, vos digo: Qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração já cometeu adultério com ela” (Mateus 7:27-28). Isto significa que sempre que vemos uma mulher e a desejamos, nós estamos quebrando o sétimo mandamento e de fato cometendo adultério. Quebrar o mandamento de Deus é o mesmo que pecar, e a condenação por pecar assim é a destruição.
Sempre que nós vemos uma mulher e com nossos olhos a desejamos, estamos acumulando pecados, um a um. Se você é fiel você sabe que adultério é pecado e fará de tudo para não cometê-lo. Muitas pessoas consideram o adultério algo sujo e desprezam quem o comete. Mas na verdade todos nós não cometemos adultério? Quanto mais tentamos nos lembrar dos mandamentos e não adulterar, mais nós vemos que estamos adulterando. Além disso, quanto mais nós tentamos guardar os mandamentos, mais percebemos que simplesmente somos incapazes de fazer isso. considerando que o adultério é algo inato em nós, não é verdade que não temos como evitar de ver uma mulher e a desejarmos? Portanto, o mandamento contra o adultério nos ensina que a imoralidade sexual é pecado e que cometemos fornicação inúmeras vezes. Sendo assim, a Lei nos desperta para o fato de que somos simplesmente incapazes de guardar os mandamentos de Deus.
Está escrito: “Pois do interior do coração dos homens saem os maus pensamentos, os adultérios, as prostituições, os homicídios, os furtos, a avareza, as maldades, o engano, a lascívia, a inveja, a blasfêmia, a soberba, e a loucura. Todos estes males procedem de dentro, e contaminam o homem” (Marcos 7:21-23). Dessa forma, os mandamentos de Deus nos ensinam que há doze tipos de pecado dentro de nós, e a Lei nos ensina também que nós quebramos todos os estatutos da Lei de Deus diariamente e de um modo bem natural. Além disso, cada pecado citado pela Lei fala da condenação do pecado. Não há nenhuma dúvida de que somos um poço de pecados e estamos seguindo um caminho que nos levará direto para o inferno. Nós temos que reconhecer que sofremos por causa disso, e que é através da Lei de Deus que nós podemos entender nitidamente que somos realmente pecadores.
 
 
Todo Ser Humano Vive Confuso e Sem Conhecer a Si Mesmo
 
Dizem que esquecer é algo do ser humano. Muitos vivem enganados, e esquecendo-se de que são pecadores por estarem cheios de pecado diante de Deus, eles pensam assim: “Eu não sou tão mal assim”, “eu até acho que sou muito decente, “eu sou melhor do que os outros”, “pelo menos eu não sou uma prostituta”, “eu não sou um assassino”, “eu não sou um ladrão”, e por aí vai. Esquecendo-se de que a condenação eterna do inferno espera por eles, eles vivem em busca somente dos seus prazeres carnais, obcecados em satisfazer seus desejos lascivos antes de ficarem velhos.
Se você perguntasse para uma senhora de classe: “Você é uma prostituta, espiritualmente falando?” Ela admitira isso de bom grado? Se você perguntasse a um homem honrado: “Você já cometeu muitos adultério, biblicamente falando?” Ele iria reconhecer isso com toda franqueza? Ao contrário, eles iriam se sentir ofendidos e ser muito rudes com você. Eles negariam com todo vigor, dizendo: “Do que você está falando?” O que você diria se estivesse no lugar deles? Se você conhecesse a Lei corretamente, você admitiria isso, dizendo: “Sim, você está certo. Eu não gosto de admitir, mas diante dos olhos de Deus eu sou como uma prostituta”. Porém, se por outro lado você não conhecesse a Lei de Deus corretamente você ficaria irado e responderia dizendo: “Eu não sou como uma prostituta”.
Na verdade, nós precisamos entender que espiritualmente o nosso verdadeiro eu é como uma prostituta diante de Deus. Quando lemos Lucas capítulo sete, nós podemos ver que uma mulher pecadora, uma ex-prostituta que foi à procura de Jesus sabendo muito bem que ela tinha muitos pecados, foi realmente remida de todos eles. Por que aquela mulher procurou Jesus? Ela sabia que era uma pecadora sem nenhuma honra em sua cidade, e que ela era uma grande pecadora diante de Deus. Foi por isso que, apesar da sua vergonha, ela procurou Jesus. E apesar dela não ter dito com suas próprias palavras, ela admitiu diante de Jesus que era uma grande pecadora e que Jesus era Aquele que poderia salvá-la de todos os seus pecados. Jesus então, conhecendo o coração daquela mulher, disse a ela: “A tua fé te salvou; vai-te em paz” (Lucas 7:50).
Quando outra mulher encontrou Jesus, que havia vindo a essa terra para salvá-la não apenas do pecado de adultério, mas também de todos os pecados que ela havia cometido diante de Deus, ela foi tomada de alegria. Foi por isso que ela chorou aos pés de Jesus, lavou seus pés com suas lágrimas, os secou com os seus cabelos, os beijos e derramou perfume sobre Ele. E o lugar ficou tomado com o cheiro do perfume. Ela fez isso tudo porque queria louvar a Jesus pela Sua salvação, e por isso ela ficou conhecida no mundo todo por causa do seu gesto de fé. Tudo que ela fez foi para anunciar o evangelho da água e do Espírito no mundo inteiro. Jesus então elogiou sua fé, dizendo: “Em verdade vos digo que em todo o mundo onde este evangelho for pregado, o que ela fez também será contado para sua memória” (Marcos 14:9). Aquela mulher estava completamente em trevas por causa dos seus pecados, e ela só foi salva de todos eles por ter encontrado Jesus Cristo.
 
 
Como era o Nosso Verdadeiro Eu para Deus?
 
Para Deus, nós éramos sementes totalmente corrompidas pelo pecado. Isso não é verdade? Todos os dias nós andávamos por um caminho de pecados terríveis e íamos ser condenados por Deus. Não é verdade? Não há dúvida alguma de que nós éramos sementes totalmente corrompidas e grandes pecadores.
Todavia, algumas pessoas conhecem a si mesmas, outras não. O que nós temos que prestar muita atenção aqui é o fato de que, enquanto que aquela ex-prostituta teve um encontro com Jesus e recebeu a remissão dos seus pecados, os fariseus não puderam ser purificados dos seus pecados, mesmo tendo se sentando à mesa com o Salvador. O que nós temos que ver aqui é a conseqüência que o conhecimento do pecado trouxe a esses dois tipos de pessoas. Através da Lei de Deus, todos nós temos que entender como éramos pecadores perante Deus. Nós temos que entender que só podem buscar o evangelho da água e do Espírito e ser purificados de todos os seus pecados aqueles cujo solo do coração foi arado e que sabem que são um poço de pecados diante de Deus.
Você pode guardar toda a Lei de Deus através dos seus atos? Você nunca poderá guardá-la por completo. Nós temos que entender que somos incapazes de guardar a Lei de Deus, e que somos pecadores que não temos como evitar de pecar por causa da herança pecaminosa que recebemos dos nossos pais. Você pecava em parte ou era totalmente pecador aos olhos de Deus? Todos éramos totalmente pecadores que não tínhamos como resolver o problema do pecado por nós mesmos. Você reconhece que todos nós éramos grandes pecadores diante de Deus e que estávamos condenados ao inferno por causa dos nossos pecados? Se você reconhece isso, pela fé você tem que buscar a Jesus que veio pela água e pelo Espírito, e também crer na Verdade de que o Senhor nos salvou de todos os nossos pecados. As pessoas no mundo inteiro têm que crer em Jesus como seu Salvador e ser salvas dos seus pecados.
Amados irmãos, por haver adultério em nosso coração, nós não temos como não cometer fornicação, e por haver um desejo homicida em nosso coração por causa da nossa natureza, nós não temos como não cometer assassinato em nosso coração. É por causa da ganância do ser humano que não conseguimos deixar de roubar, e é por causa do nosso coração enganoso que nós não conseguimos deixar de mentir também. Por causa dos doze tipos de pecado que existe em nosso coração, todos nós pecamos todos os dias. Por isso, quando vemos nossa própria imagem refletida pela Lei de Deus, todos nós podemos ver que realmente a quebramos todos os dias.
Meus amados irmãos, nós somos incapazes de guardar até mesmo um simples estatuto da Lei de Deus. Nossa vida é assim mesmo, e nós estamos propensos a quebrar todo estatuto da Lei de Deus repetidas vezes, a vida inteira. Já que é assim, como é que podemos argumentar com Deus sobre a questão do pecado, se ele é pequeno ou grande? Quem poderia jogar pedra naquela mulher apanhada no ato do adultério? Qualquer um que tivesse pecado jamais poderia fazer isso. Já que nós cometemos vários pecados, tantos como as nuvens do céu, como poderíamos não ser condenados por causa deles? Todo aquele que tem pecado não pode escapar do seu destino, mas passará sua vida inteira como um pássaro solitário ou como uma ovelha perdida. Porém, alguém pode ser salvo dos seus pecados desse jeito? Todos nós temos que entender que onde não há a Palavra do evangelho da água e do Espírito não pode haver remissão de pecados.
 
 
Os Pecados que estão Escritos na Tábua do Coração de Todos Nós
 
Onde estão escritos os pecados das pessoas então? A Bíblia diz: “O pecado de Judá está escrito com um estilete de ferro, gravado com ponta de diamante na tábua do seu coração e nas pontas dos seus altares” (Jeremias 17:1). Os pecados de todo mundo estão escritos na tábua do seu coração e nas pontas dos seus altares. As pontas do altar aqui dizem respeito ao Livro das Obras, ou seja, ao Livro do Juízo escrito em Apocalipse 20 que será aberto diante de Deus. Isso quer dizer que Deus registrou todos os nossos pecados, mesmo que nos lembremos deles ou não, mesmo que os conheçamos ou não. Isso quer dizer que todos os pecados que estão escritos na tábua do nosso coração e no Livro das Obras devem ser tirados dele e que devemos receber a remissão dos nossos pecados. Se você ainda tem pecado, mesmo que seja pequeno, você então será condenado por Deus segundo o seu pecado.
Como, então, nós podemos purificar os pecados da nossa vida inteira que estão escritos na tábua do nosso coração e no Livro das Obras? Está escrito: “Ainda que te laves com salitre, e amontoes sabão, a tua iniqüidade está diante de mim, diz o Senhor Deus” (Jeremias 2:22). Melhor dizendo, nenhum sabão de qualquer um ensinamento religioso, nem qualquer oração de arrependimento que clama por perdão, pode purificar nossos pecados. Tem um hino que diz:
“♬Chorar não vai me salvar!
E por mais que eu me derrame em lágrimas, ♪
♬Isso não vai acabar com meu medo,
Nem pode purificar meus pecados do passado! ♪
♬Chorar não vai me salvar.”
Amados irmãos, vocês têm que entender que seus pecados não serão purificados nem que vocês chorem ou se derramem em lágrimas pedindo o perdão de Deus. Mas se vocês pararem de pedir a Jesus que perdoe os seus pecados, isso será o mesmo que se vestir de hipocrisia, não é verdade?
Como é que nós podemos então ser remidos de todos os nossos pecados e ser salvos deles? Antes de tudo, nós temos que reconhecer que somos grandes pecadores que devem ser condenados por Deus por causa dos seus pecados, e depois nós temos que conhecer a Palavra de Deus. Temos que reconhecer que somos pecadores e confessar; “Senhor, eu estou condenado ao inferno por causa dos meus pecados. Eu sou um grande poço de pecados. Se Tu não me salvares eu não terei como não ir para o inferno”. Depois nós temos que crer no evangelho da água e do Espírito. Nós temos que confessar: “Senhor, eu não tenho conseguido evitar de pecar com meus atos e pensamentos desde o dia que nasci. Por favor, salve-me dos meus pecados. Eu quebrei toda a Sua Lei”. Depois de nos confessarmos assim, temos que ouvir e crer no evangelho do batismo, do sangue e do Espírito que Jesus nos deu. Quando nós fizermos isso é que poderemos ser remidos de todos os pecados que cometemos desde quando nós nascemos, e dos pecados que cometeremos até o dia da nossa morte.
Até que a mulher samaritana encontrasse Jesus, não houve nenhum profeta que pudesse saciar a sede da sua alma. Por isso que seu coração estava sempre sedento. Mas como não podia encontrar este Senhor, ela tentava se sentir realizada buscando isso nas artes, na música, no álcool e nos prazeres. Assim como aquela mulher samaritana, todos neste mundo estão buscando a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida. Já que as pessoas não conhecem o evangelho da água e do Espírito, seu coração está vazio e até agora elas não encontraram os servos de Deus que podem resolver o seu problema com o pecado através do evangelho da água e do Espírito. Sua alma se sente realmente realizada quando você busca as coisas deste mundo? Alguém pode de fato encontrar a verdadeira satisfação nas pessoas deste mundo ou naquilo que há de bom nele? As coisas do mundo podem até nos satisfazer por algum tempo, mas ninguém pode ter sua alma salva para sempre dos seus pecados desse jeito.
Quando alguém encontra a Palavra do evangelho da água e do Espírito dado pelo Senhor e crê nela, é daí por diante que ele passa a experimentar um rio de água viva fluindo de dentro do seu coração e pode receber todas as bênçãos de Deus. Mas apesar disso, muitas pessoas não estão dando ouvidas à Palavra do evangelho da água e do Espírito. Entretanto, você deve crer de coração no evangelho da água e do Espírito, na remissão de pecados que o Senhor te concedeu, e assim receber o dom do Espírito Santo.
A mulher samaritana tentou se sentir realizada com seus maridos do mundo, mas aquela não era a verdadeira realização. E ela não se sentia realizada não porque ela não tinha muitos bens materiais. Assim como aquela mulher, você também não deve ter encontrado um sentido para sua vida antes de conhecer a Jesus, o senhor do evangelho da água e do Espírito, não é verdade?
Há um canção na Coréia chamada “Caça à Baleia”. Sua letra diz assim: “♬Eu bebo cerveja, canto e danço. Mas a única coisa que há em meu coração é a tristeza.♬”
Há outra canção popular na Coréia chamada “Vagabundo”, e assa canção diz assim: “♬A vida é uma viagem; de onde ela vem para onde ela vai, ♪eu não sei. Ela apenas segue sem rumo. ♪Nessa viagem sem fruto algum, conforme o tempo passa não devemos nos apegar nem ter afeição alguma. ♪A vida é uma viagem; de onde ela vem para onde ela vai?”
Se nós não tivermos um encontro com Jesus por meio do evangelho da água e do Espírito, nunca nos sentiremos então realizados em nossa vida, por mais que bebamos, cantemos ou dancemos, assim como diz as canções deste mundo. A vida de todos nós é como um viajante que fica neste mundo por algum tempo e depois desaparece. De onde vêm todos estes viajantes e para onde eles vão? Muitas pessoas estão de fato seguindo sem rumo para sua própria destruição conforme o tempo passa.
A Bíblia diz que “aos homens está ordenado morrer uma só vez, vindo depois disso o juízo” (Hebreus 9:27). A Vida não vale nada a não ser que se receba a remissão de pecados crendo no evangelho da água e do Espírito dado por Jesus. Todos os filósofos deste mundo buscaram sua vida inteira responder as perguntas elementares dessa vida: “Quem sou eu? O que eu sou? De onde vim, para onde vou?” Mas todos pereceram sem encontrar as devidas respostas. Embora esses filósofos tenham tentado lidar com estes problemas, buscando descobrir de onde vieram e para onde vão, eles acabaram morrendo sem resolvê-los. Mas você pode resolver o seu problema com o pecado conhecendo o evangelho da água e do Espírito, crendo nele e buscando estar na presença de Deus. Se você crer no evangelho da água e do Espírito, o problema do seu pecado será resolvido por Deus, você receberá o Espírito Santo e encontrará o caminho para o Reino dos Céus.
Todos foram feitos à imagem e semelhança de Deus. E é por isso que todos têm que ser purificados dos pecados do seu coração e receber o Espírito Santo como o dom da remissão de pecados. Somente quando as pessoas souberem disso é que elas poderão viver tendo as bênçãos de Deus. Através do evangelho da água e do Espírito é que podemos descobrir se somos justos ou pecadores.
Seu coração está vazio só porque há pecado dentro dele. Todos dizem que o importante é ter o que comer, o que vestir e ter onde morar, mas a verdade é que mesmo quando essas suas necessidades são supridas, sua alma ainda fica oprimida por causa da maldição trazida pelos seus pecados. Mas se você crer no evangelho da água e do Espírito, todos os seus pecados irão desaparecer do seu coração e você ficará cheio de alegria. Por essa razão, você tem que ter um encontro com Jesus através do evangelho da água e do Espírito. Você tem que encontrar seu Salvador através do evangelho da água e do Espírito. Deixe de lado todas as suas crenças do passado e passe a crer agora de modo correto na grande Verdade!
Se você ainda não foi salvo de todos os seus pecados e está vivendo como o mais miserável dos homens, e que apesar disso ainda acha que crê em Deus de modo correto, você está totalmente enganado. Se, apesar de afirmar que serve a Deus, os problemas com o pecado que há em seu coração ainda não foram resolvidos e você ainda não recebeu o Espírito Santo como um dom, você tem que saber que está à beira da morte agora. De alguma forma, você não é esse tipo de cristão? Você não quer ter um encontro com Jesus através do evangelho da água e do Espírito? Conheça então o evangelho da água e do Espírito escrito na Bíblia, tenha fé nele com seus olhos e no seu coração, e creia nesse verdadeiro evangelho.
Você tem que ser remido de todos os seus pecados, tem que receber o Espírito Santo e nascer de novo. Mas você não deve buscar alcançar tudo isso por si mesmo. E se você é uma pessoa assim, está claro que você é realmente um ignorante que constrói sua casa na areia. Como é que alguém pode nascer de novo livre de todos os seus pecados através das suas próprias obras? Quando você tenta ser salvo de todos os seus pecados por meio dos seus atos, isso não passa de um produto da sua própria mente. Além disso, aqueles que te encorajam a fazer isso não são verdadeiros pastores. Eles não são nada mais do que servos do inferno que estão levando o povo à destruição, pois eles não podem pregar o evangelho da água e do Espírito que purifica os seus pecados.
Há muitas igrejas que considerariam justo alguém hoje em dia se ele parasse de fumar, de beber, buscasse não pecar mais e tivesse uma vida justa. Todavia, esses lugares onde somente a ética cristã é ensinada não são a Igreja de Deus. A Igreja de Deus é onde se ensina o evangelho da água e do Espírito, para que as pessoas cuja vida é errada possam receber a remissão dos seus pecados e nascer de novo. A Igreja de Deus não é um lugar onde te ensinam somente hipocrisia. A Verdadeira Igreja de Deus é o lugar onde os servos de Deus pregam Sua Palavra e o evangelho da água e do Espírito, fazendo com que você receba assim a remissão dos seus pecados.
Você ainda acha que não tem problema algum se você for à igreja sem conhecer o evangelho da água e do Espírito? Você crê apenas nas doutrinas do Cristianismo e finge ser humilde, mas na verdade não tem fé alguma? Muitos cristãos sentam nas igrejas e dão amém e aleluia sem parar, porém todos que têm pecado em seu coração não podem ser santos perante Deus. Os que crêem dessa forma não passam de falsos cristãos. Eles só estão indo direto para perdição, em direção à porta larga.
Seus pecados foram apagados de uma vez por todas por você crer no batismo que Jesus recebeu de João Batista e no Seu sangue na Cruz? E você recebeu o dom do Espírito Santo também? Somente o evangelho da água e do Espírito pode te libertar de todos os seus pecados e fazer você nascer de novo, como está escrito: “Então conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” (João 8:32). O meu conselho é que todos vocês ouçam o evangelho da água e do Espírito com todo cuidado e aprendam com ele.
Perguntem a si mesmos se vocês conhecem e crêem no evangelho da água e do Espírito. Para serem lavados dos seus pecados, creiam no evangelho da água e do Espírito. Vocês também podem nascer de novo livres dos seus pecados pela fé. Da mesma forma, vocês podem ser remidos dos seus pecados e receber a vida eterna por meio desse evangelho da água e do Espírito dado por Jesus.
Agora é a hora de vocês buscarem a Jesus e terem um encontro com Ele através do evangelho da água e do Espírito. Se vocês crerem agora nesse verdadeiro evangelho, vocês com certeza receberão a eterna remissão de pecados. Eu oro a Deus para que, através do evangelho da água e do Espírito, Ele os abençoe a fim de que vocês bebam a água viva.